Tamanho da fonte:-A+A

A simplicidade das coisas é saber se colocar no lugar dos outros

Sílvia Somenzi // terça, 20/05/2008 19:03

Quando você orquestra ações mirabolantes para conquistar seja um cliente, seja uma equipe, seja um chefe, seja um negócio, por fim acaba percebendo que aquilo que tem de funcionar bem é o seu próprio alinhamento à realidade.
 
Os processos de negócio requerem uma avaliação assertiva e precisão no entendimento do contexto, e isto quer dizer que você deve pensar como se fosse o outro para entender como o outro pensa e assim se movimentar.
 
É preciso estar disposto a abrir mão de si próprio (momentaneamente) para perceber como é a visão do outro, sobre o que o cerca e até mesmo como este lhe enxerga.
 
O desprendimento é a principal solução para desenvolver a habilidade de se colocar no lugar do outro e convergir estes entendimentos e percepções em soluções percebidas como positivas por todos.
 
Quando a sua ação é esta, o caminho fica devidamente delineado, e absolutamente tudo se torna muito mais simples para você acertar, porque o seu plano de ações descarta a complexidade da adivinhação (“achos”) e passa a avaliar concretamente pontos de vistas que podem ser impressionantemente coerentes e que antes lhe pareceriam inaceitáveis.
 
Todo e qualquer alinhamento sempre se completa com a compilação das múltiplas visões direcionadas para a solução comum, e que traga (de alguma forma) resultados a todos: a curto, médio ou longo prazo.
 
É fundamental você se dar conta que quando alguém investe na exposição do seu posicionamento frente a uma situação, quer seja direta ou indiretamente, na verdade este quer ser considerado como parte da decisão final. E realmente não importa se no final a decisão tomada é diferente da que foi defendida, mas o que importa é ter se posicionado com coerência, com pertinência e recebendo a respeitosa percepção dos outros como um colaborador.

Mesmo que muitas vezes os outros pareçam não colaborar, é muito provável que estejam colaborando, mesmo com negativas, mesmo com questionamentos, mesmo trazendo outras visões que sejam distantes da sua.
 
Considere sempre que por mais que alguém não colabore, na prática está fazendo isso, por se expor a ponto de você ter ciência que este é alguém que você não pode contar.
 
Construir uma carreira sólida é saber ser simples e direto quando se precisa decidir, bem como saber deixar de lado o que não procede para um posicionamento profissional.
 
Das muitas chances que uma pessoa tem para crescer, talvez a mais possível de acontecer é àquela onde uma pessoa  se colocar no lugar da outra e consegue perceber que pontos de vista diferentes não significam desalinhamentos, e sim colaboração.
 
Simplifique a sua forma de enxergar o que lhe cerca e torne o seu caminho muito mais direcionado ao sucesso.

Sílvia Somenzi
Diretora Presidente da Soluzzione Expansão de Negócios, empresa de Consultoria, Gestão e Marketing de Relacionamento.

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
Teletex

Num ambiente corporativo é preciso baixo custo e facilidade de implementação de soluções que consolidem as aplicações e atendam aos requisitos dos dados de uma empresa. A Teletex 360º IT solutions, a Cisco, a NetApp e a VMware se uniram para entregar o FlexPod® Express ─ uma única plataforma, prática, simples e convergente para gerenciar toda infraestrutura.

Recentemente, a VMware lançou o Horizon 6, uma suíte que entrega aplicativos publicados e desktops virtuais através de uma única interface. É uma nova plataforma, que reúne uma série de tecnologias e ferramentas onde os administradores de TI poderão provisionar aplicativos e desktops remotamente nos usuários finais através de single sign-on, além de facilitar a verificação de toda a infraestrutura virtual proporcionando uma gestão mais simples.

Teletex
Teletex - Site Teletex - Facebook Teletex - Blog Box2U