Baguete
InícioNotícias> Casa da Saúde Campinas contrata MV

Tamanho da fonte:-A+A

HOSPITAL

Casa da Saúde Campinas contrata MV

Júlia Merker // terça, 02/08/2016 15:11

A Casa de Saúde Campinas é agora cliente da MV. O hospital com 150 leitos, que possui quase 136 anos, vai adotar o Soul MV com o objetivo de aprimorar a gestão hospitalar e aumentar a segurança das informações.

A Casa de Saúde Campinas é agora cliente da MV. Foto: Fasouzafreitas/Wikimedia.

A instituição não divulga o software utilizado atualmente, mas afirma que ele não atende todas as necessidades do hospital e exige retrabalho.

“Quando o setor de compras realiza uma aquisição, é preciso redigitar as informações para o financeiro e para a contabilidade”, comenta Eliane Brito, gerente geral do hospital. 

Com a implantação do sistema MV, iniciada neste mês, a Casa de Saúde Campinas vai integrar todos os setores e centralizar informações para reunir em um único ambiente dados clínicos dos atendimentos a pacientes.

Outro desafio enfrentado no hospital é a morosidade para verificação de glosas - termo que se refere ao não pagamento, por parte dos planos de saúde, de valores referentes a atendimentos, medicamentos, materiais ou taxas cobradas pelas empresas prestadoras 

“Como não há integração entre as contas a receber e o faturamento, o processo de solicitação de recurso de glosa é prejudicado e até pode ser perdido”, diz a gerente. 

Além disso, processos manuais dificultam o acesso a informações seguras. Nas enfermarias, por exemplo, a devolução de materiais e medicamentos para a farmácia não é automatizada.  

Após a implantação das soluções MV em todos os setores, a expectativa é que a gestão da Casa de Saúde Campinas tenha acesso a diversos indicadores, como contas faturadas X não faturadas, valor faturado X valor recebido, tempo de faturamento da conta, percentual de glosas, recursos aceitos, volume de compras X dispensação, percentual de acuracidade dos estoques, percentual de ocupação e ociosidade, satisfação dos clientes e outros.

Hoje, mais de 1 mil instituições e 375 mil usuários utilizam as soluções MV para a gestão de informações de saúde. 

A MV é uma das maiores empresas de software para saúde no país. Em 2014, a empresa alcançou receita líquida de R$ 161 milhões, uma alta de 20% frente ao ano anterior.

Sobre os resultados do ano passado, a MV afirma que "superou expectativas", mas só divulgou a receita bruta (R$ 175 milhões), o que não permite calcular crescimento percentual.

Júlia Merker