Baguete
InícioNotícias> IBM apoia crowdfunding de IoT

Tamanho da fonte:-A+A

WATSON

IBM apoia crowdfunding de IoT

Maurício Renner
// quinta, 16/02/2017 16:26

A IBM fechou um acordo com o Indiegogo, um dos maiores sites de financiamento coletivo de projetos, para ajudar empreendedores a criar produtos baseados no conceito de Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês).

PlayDate é o tipo de startup na qual a IBM está de olho.

Empreendedores cadastrados no site serão selecionados para receber acesso gratuito à plataforma de IoT do Watson através da nuvem pública BlueMix da IBM.

Estarão disponíveis serviços cloud em diferentes áreas, como inteligência artificial, análise de dados e ciber-segurança. A IBM oferecerá ainda mentoria e acesso a recursos técnicos.

A área de eletrônicos da Arrow, gigante de distribuição de tecnologia americana, vai oferecer até US$ 500 mil em componentes, serviços de supply chain e manufatura.

A empresa as empresas não revelaram quantos empreendedores poderão ser beneficiados com o acordo. 

Algumas startups já se beneficiaram do programa, como a Fitly, que criou um prato inteligente capaz de analisar o que o usuário come, ou a PlayDate, um brinquedo para pets com câmera incorporada que pode ser controlado a distância.

Esta última startup foi uma das que mais arrecadou dinheiro através do Indiegogo na área de animais de estimação, obtendo mais de US$ 700 mil.

A estratégia da IBM de associar o Watson, plataforma de computação cognitiva que é seu principal lançamento dos últimos tempos à onda emergente de Internet das coisas data do começo de 2016.

Na ocasião, a multinacional revelou que 500 parceiros e 80 mil desenvolvedores já estavam utilizando a plataforma de IoT baseada em Watson. 

Entre os parceiros citados estão nomes como a fabricante de roupas esportivas Under Armour e Whirlpool, de eletrodomésticos.

A empresa segue trabalhando junto a grandes empresas para "bombar" o conceito de IoT.

Hoje foi inaugurado um centro em Munique no qual parceiros como Avnet, BNP Paribas, Capgemini e Tech Mahindra trabalharão em conjunto com profissionais da IBM. O investimento foi de US$ 200 milhões.

Os números grandiosos sobre IoT estão espalhados pela Internet. Uma pesquisa do Wall Street Journal citada na nota da IBM fala em um mercado total de US$ 14,2 trilhões em 2022. 

No entanto, muito dessa receita precisará ser criada por empresas que ainda não existem e não as grandes companhias que organizações que formam a carteira da IBM. Pelo visto, a empresa decidiu ajudar a acelerar o processo.

Maurício Renner