TUDO PROTEGIDO

FireEye lança plataforma de segurança multi-tecnologia

01/03/2013 18:17

Nycholas Szucko, country manager da FireEye no Brasil. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A FireEye lança uma plataforma de segurança que unifica tecnologias de cerca de 24 parceiros.

A solução traz recursos como o Multi-Vector Virtual Execution (MVX), para capturar e confirmar ataques atuais destruindo objetos web, arquivos, anexos suspeitos e aplicações móveis dentro de ambientes virtuais instrumentados.

A tecnologia pode ser utilizada através de vetores de ameaças para automatizar a descoberta e a análise forense de códigos maliciosos, resultando em vetores de ameaça múltiplos em ataques específicos.

Outro módulo é o Dynamic Threat Intelligence (DTI) Cloud, que permite detectar novas táticas criminosas, desenvolvendo ataques APT e surtos de malware.

Com a troca de informações, os participantes ganham visibilidade contextual de ataques globais e podem fortalecer sua segurança coletiva com a mais nova proteção, além de neutralizar ataques antes que causem danos catastróficos.

Também é novidade o Partner Interoperability via APIs and Standards - based Threat Intelligence Metadata, projeto de integrações de parceiros que utilizam APIs da FireEye para direcionar visibilidade da rede, validação de endpoint e opções de aplicação para as empresas.

A FireEye irá, ainda, publicar o padrão base de inteligência das ameaças de metadados em formato de troca, permitindo a interoperação e automatização de fluxos de trabalho chave.

A empresa é norte-americana e em 2012 abriu operação no Brasil.

Há pouco, a FireEye levou uma rodada US$ 50 milhões de financiamento, o que valorizou a companhia em US $ 1,25 bilhão.

O investimento ampliou o fundo total da FireEye para US$ 85,5 milhões, somando investidores como Sequoia Capital, Norwest Venture Partners, Juniper Networks, Silicon Valley Bank e até o In-Q-Tel, braço de capital de risco da CIA, e a deixou mais aberto de um IPO, que pode ocorrer ainda este ano.

Veja também

OLHO NO BRASIL
FireEye leva US$ 50 milhões e prepara IPO

Americana de segurança da informação que em 2012 abriu operação no Brasil acaba de levar uma rodada US$ 50 milhões de financiamento e prepara IPO.

CARREIRA
Nycholas Szucko vai para a FireEye

Nycholas Szucko, que até fevereiro estava na Zscaler como gerente para a América Latina, mudou-se para a FireEye, onde atua como country manager.

Szucko atuava na Zscaler desde 2010, quando a empresa norte-americana lançou no Brasil um serviço de segurança de e-mail na nuvem no modelo SaaS.

Agora, Szucko ingressa numa empresa da mesma área, fundada em 2004, também com sede nos Estados Unidos.

NOVINHA E BEM SUCEDIDA
Defenda: segurança do RS rumo ao exterior

Com pouco mais de dois anos de mercado, empresa do Tecnosinos mira projetos no Canadá, México, Argentina e Chile.

OFERTA AMPLIADA
Tivit incrementa área de segurança

Empresa vai investir R$ 7,5 milhões para incrementar a oferta do segmento em 2013.