Baguete
InícioNotícias> De Rose está na Tivit

Tamanho da fonte:-A+A

CARREIRA

De Rose está na Tivit

Maurício Renner
// quinta, 01/03/2018 10:08

Ricardo de Rose, ex-Zaffari, acaba de assumir um cargo no time de vendas da Tivit para Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

Ricardo de Rose.

A informação é de fontes de mercado e foi confirmada ao Baguete pela assessoria de imprensa da Tivit.

O profissional é conhecido no Rio Grande do Sul, onde chegou a presidir o GU CIO-RS, grupo que reúne gestores de TI de grandes empresas do Rio Grande do Sul entre os anos de 2008 e 2009.

Até o começo de 2016, De Rose estava no Zaffari, onde chegou a comandar a área de logística da rede supermercadista gaúcha Zaffari.

De Rose fez carreira na Epcos, tendo entrado na empresa ainda em 1989, quando ela se chamava Icotron.

Ao longo do período, o executivo desempenhou diversas funções na área de TI, incluindo, entre janeiro de 2007 e junho de 2011 a gerência conjunta das áreas de TI e Logística da empresa.

Em agosto de 2012, De Rose assumiu a posição de gestor do Programa Evolução, responsável pela implantação do ERP SAP na fabricante de estruturas metálicas gaúcha Medabil. Em março do ano seguinte, com o projeto entregue, De Rose saiu da empresa.

Quando De Rose entrou no Zaffari, a companhia também estava em meio de um projeto de implementação do software em janeiro de 2014, visando substituir soluções desenvolvidas internamente.

Em 2016, a Tivit fez um spin off da sua área de terceirização de processos de negócios (BPO, na sigla em inglês) e passou a colocar todas as fichas soluções, serviços de TI e, cada vez mais, computação em nuvem.

Com a decisão, a Tivit deve ter mais liberdade para focar no seu negócio principal em soluções, serviços de TI e, cada vez mais, computação em nuvem.

No começo de 2016, a empresa anunciou um investimento de R$ 46 milhões para ampliar sua oferta de computação em nuvem.

Além de investir na construção de nuvens locais, o aporte previa a ampliação da oferta com a adoção de um modelo multicloud. 

Esse posicionamento foi reforçado meses depois com a compra da mineira One Cloud, uma startup mineira especializada no chamado serviço de “cloud broker”.

Maurício Renner