Baguete
InícioNotícias> I.A.R. adota Siemens PLM em treinamentos

Tamanho da fonte:-A+A

ROBÓTICA

I.A.R. adota Siemens PLM em treinamentos

Júlia Merker
// quinta, 01/06/2017 14:04

O Instituto Avançado de Robótica (I.A.R.) vai utilizar a plataforma Siemens PLM para oferecer treinamentos nas áreas de automação, mecatrônica e robótica industrial em uma unidade móvel considerada pioneira no Brasil.

O I.A.R. vai utilizar a plataforma Siemens PLM para oferecer treinamentos em uma unidade móvel. Foto: Divulgação.

Com o sistema, é possível programar e simular robôs de diferentes fabricantes em uma mesma célula.

A expectativa do uso de ferramentas Siemens PLM, segundo Rogério Vitalli, diretor executivo do I.A.R., será enfatizar competências dos robotistas pouco exploradas, como processos industriais e manufatura digital. 

“Com o tempo, será possível formar profissionais para a Indústria 4.0 habilitados em três frentes principais, como robótica, automação industrial e manufatura digital” explica.

O I.A.R. formou mais de 90 peritos em robótica e tem observado o crescimento do conceito de Indústria 4.0 no mercado.

“Precisamos que os empresários busquem esse movimento, mas de maneira que seus próprios funcionários participem de soluções de projetos desafiadores para que possamos auxiliá-los na migração para o conceito de Indústria 4.0 com soluções inovadoras”, reforça Vitalli.

Além do trabalho com qualificação, que oferece treinamento aplicado para robótica em um caminhão escola com uso de soluções Siemens em células mecatrônicas adaptadas ao conceito de Indústria 4.0, a parceria se estende para áreas de serviços e consultoria.

Nesse processo, o I.A.R. - juntamente com a Siemens PLM - entra em contato com gestores e tomadores de decisão para oportunizar oportunidades de negócios no mercado de manufatura avançada.

Atualmente o I.A.R. possui parceria com grandes empresas dos ramos automotivo, manufatura, robótica e bens de consumo. 

A Siemens PLM Software fornece software e serviços de gerenciamento do ciclo de vida do produto (PLM) e de software de gerenciamento de operações de manufatura (MOM). Os sistemas e serviços têm mais de 15 milhões de licenças e mais de 140 mil clientes em todo o mundo.

Júlia Merker