Sergio Botelho. Foto: divulgação/Benner.

Tamanho da fonte: -A+A

A Benner, fabricante catarinense de sistemas de gestão, quer mais que duplicar suas vendas indiretas nos próximos dois anos, saltando dos 18% obtidos em 2012 para 25% já neste ano e 40% em 2015.

Para obter o objetivo, a companhia quer aumentar o tamanho do canal, hoje composto por 32 parceiros, agregando 28 novas revendas ao longo do ano fiscal 2013/14.

As regiões focadas para a expansão dos canais de vendas são as cidades do interior do Brasil com mais de 300 mil habitantes e que sejam polos industriais, comerciais e de logística.

Além da rede de canais, a estratégia de expansão da área contempla atuação em outras frentes como parceiros integradores de soluções, para atuar no mercado público.

“Nosso objetivo é estabelecer um bom relacionamento com as empresas parceiras, fornecendo treinamento e capacitação, para levar não só um bom produto, como um bom atendimento aos nossos clientes. Queremos aumentar a capilaridade em todo o país, focando na qualidade”, afirma o diretor de Canais e Alianças da Benner, Sergio Botelho.

O executivo destaca, sem revelar valores, que os repasses sobre os valores de licença de uso e de manutenção estão com percentuais maiores aos praticados pelo mercado, além da manutenção da titularidade da conta.

A Benner, uma sobrevivente do processo de consolidações promovido no mercado de ERP brasileiro pela Totvs, afirma estar hoje entre os cinco maiores players do segmento no país.

Apesar de seguir de manter o produto independente no mercado, a Benner também reforçou sua musculatura por meio de uma joint venture em 2011 com parte do Grupo TBA, criando a Globalweb, que em seguida incorporou a Compusoftware, representante da Microsoft no Brasil.

Com faturamento anual na casa dos R$ 300 milhões, a GlobalWeb emprega 750 colaboradores e tem escritórios em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e EUA.

Quando da fusão, o grupo anunciou meta de faturar R$ 500 milhões até 2014, com taxa de crescimento anual de 25% a 28% e aquisições.