Ana Karin Nunes, coordenadora de Educação a Distância da Feevale. Foto: divulgação.

A Feevale subsitituirá sua plataforma de educação à distância (EAD) em 2013. A universidade deixará de usar o Moodle, passando a adotar o Blackboard como a nova ferramenta.

O sistema da Blackboard será implantado gradualmente e, até agosto, cobrirá todas as disciplinas em EAD da instituição hamburguense.

O valor do contrato, firmado por cinco anos, não foi informado.

Segundo divulgado pela universidade, este é o primeiro contrato da Blackboard com uma instituição de ensino gaúcha, e foi intermediado pelo Grupo A, empresa gaúcha que fechou em 2011 a distribuição das soluções da Blackboard por cinco anos.

O projeto contempla a aquisição de plataforma de educação à distância, de colaboração online (webconferência), soluções mobile e hospedagem gerenciada.

Segundo a Feevale, a mudança partiu de um estudo realizado pela universidade durante o ano de 2012, o qual indicou produtos e serviços que pudessem atender à instituição, tanto em relação à metodologia de ensino quanto às necessidades técnicas para o EAD.

“A experiência acumulada na área de tecnologias educacionais e o fato da Blackboard estar próxima à Feevale, com representante em Porto Alegre, também foram fatores decisivos para o contrato”, afirma o reitor Ramon Fernando da Cunha.

USOS

As soluções adquiridas serão estendidas para todos os alunos e professores, com uso da ferramenta de webconferência e acesso instantâneo aos materiais de aula, em computadores ou dispositivos móveis.

Até agosto, quando ocorre a implantação definitiva de todos os produtos e serviços envolvidos no contrato, as equipes de Blackboard e Feevale trabalharão na formação de professores e tutores, na integração dos sistemas e na adaptação de conteúdos ao novo formato.

“O objetivo é garantir a otimização de todos os novos recursos no ensino”, explica Ana Karin Nunes, coordenadora de Educação à Distância da universidade gaúcha.

Ela destaca, ainda, que a hospedagem gerenciada, acompanhada de uma estrutura de suporte, também garante a segurança dos dados e a possibilidade de crescimento.

"A plataforma de e-learning servirá para que a universidade amplie sua atuação na modalidade à distância, com múltiplos recursos educacionais, organizações curriculares diferenciadas e interação permanente entre professores, tutores e alunos", completa Ana.

CURSOS

Atualmente, a Feevale oferece cursos de formação rápida (extensão), até cursos de graduação e especialização no formato EAD.

Além disso, trabalha com projetos customizados para organizações públicas e privadas, por meio da EAD corporativa.

BLACKBOARD

Fundada em 1997 em Washington, a Blackboard é uma das empresas referência no ramo de e-learning, atendendo cerca de 9,3 mil instituições em cerca de 60 países e com escritórios na América do Norte, Europa, Ásia e Austrália.

No Brasil, a companhia conta com cerca de 20 clientes ao portfólio, entre eles ESPM, FGV, Dom Cabral e Eurofarma.

Em 2011, a Blackboard faturou US$ 447,32 milhões.