Andre Piza, novo CTO da Sotran. Foto: divulgação.

A Sotran Logística, empresa criadora do aplicativo TMOV, anunciou a contratação Andre Piza como seu novo Chief Technology Officer (CTO). 

Com mais de 18 anos de experiência, o executivo vem da empresa de pagamentos PayGo, onde era CTO desde 2018. 

Anteriormente, Piza atuou em outras companhias do setor financeiro, como C6 Bank e Rede, além de ser cofundador da Bidu, startup de recomendação, comparação e contratação de seguros e serviços financeiros.

O profissional também teve cargos de gestão em empresas como NetMovies, PlayPhone e Uol.

Graduado em Ciências da Computação pela UFG, com mestrado pela Unicamp em engenharia de software, ingressou no programa de doutorado da USP-IME e fez curso executivo sobre gestão de produtos e tecnologia no MIT-Sloan. 

De acordo com a Sotran, a empresa tem investido pesado em pessoas e tecnologia desde 2016, quando recebeu um investimento da Arlon Group, fundo de private equity norte-americano.

Entre os nomes recrutados, estão: Phillip Klien, advisor da TMOV, ex-Uber e Twitter; Alexandre Nigri, head de produto, ex-99 e iFood; e Rafael Fridman, head de pagamentos, ex-Repom e Presscargo.

"Agora, temos montado um time incrível de tecnologia para transformar toda a experiência da Sotran em uma plataforma digital que trará ao caminhoneiro o destaque e benefícios que ele precisa", afirma Andre Piza, novo CTO da Sotran.

O TMOV, app da companhia, é uma plataforma digital que atua como um hub para conectar as cargas aos caminhoneiros que trabalham com agronegócio no Brasil, em tempo real, oferecendo soluções como meio de pagamento, seguro e outros serviços. 

A solução surgiu dentro da Sotran Logística, que conta com 500 funcionários e opera em 14 estados brasileiros, atendendo a mais de 900 clientes como Cargill, Coamo e Coopersucar.