A Sura, da Colômbia, adquiriu a solução de gerenciamento baseada na nuvem da ClickSoftware. Foto: Divulgação.

A Sura, maior companhia de seguros da Colômbia, adquiriu a solução de gerenciamento de força de trabalho em campo baseada na nuvem da ClickSoftware. O objetivo é otimizar o serviço de assistência rodoviária.

As soluções da ClickSoftware serão usadas para facilitar o agendamento automatizado para diferentes níveis de trabalho de serviço de emergência. A seguradora implementará a solução para seus próprios técnicos e para os técnicos terceirizados.

"Em nossa linha de trabalho, cada segundo conta. A solução da ClickSoftware nos auxiliará a designar e enviar os recursos de campo de maneira eficiente, além de nos prover uma constante conexão com as equipes em campo, aumentando a visibilidade de nossas operações em tempo real", relata a equipe de Operações da Sura.

O atual processo da Sura para gerenciar o agendamento de seus serviços em campo, é manual. Com a implementação da tecnologia baseada em nuvem da ClickSoftware, a Sura será capaz de centralizar e automatizar suas operações de agendamento de serviços em campo.

Os dispositivos móveis equipados com a solução móvel da ClickSoftware solicitará que os técnicos em campo redirecionem horários ou itinerários quando necessário, além de fornecer recomendações sobre como resolver problemas nos locais de trabalho. 

"Ao combinar o nível de habilidade de cada técnico em campo, a localização e os compromissos, com os requisitos de cada ordem de serviço aberta, a companhia encontrará um equilíbrio crucial entre a manutenção do atendimento ao cliente e o aumento de sua eficiência operacional", afirma Moshe Benbassat, CEO da ClickSoftware.

A Sura será apoiada no projeto pela sede América Latina da ClickSoftware, localizada em São Paulo.

A ClickSoftware anunciou receita total de US$ 126,2 milhões em 2014, um aumento de 22% em comparação com os US$ 103,2 milhões alcançados 2013. 

No início de maio, a empresa assinou um acordo para ser adquirida por um fundo de investimento gerenciado pela Francisco Partners Management, empresa de capital privado com foco em tecnologia. A transação está avaliada em aproximadamente US$ 438 milhões.