SPIN OFF

BRQ terá nuvem para pequenas

02/07/2015 16:56

Empresa fundiu seu negócio cloud com a BMSIX.

Benjamin Quadros.

Tamanho da fonte: -A+A

A BRQ, especializada em soluções para o setor financeiro, fez uma spin off da sua área de cloud computing, fundindo a mesma no processo com a BMSIX, uma empresa especializada no segmento.

Com o negócio, a BRQ transferiu 70 clientes da sua unidade de cloud, criada em 2011, e passa a ter uma participação minoritária nas ações da BMSIX, assim como assento no seu conselho de administração.

Fundada em 2011 por Fabiano Barros, ex-gerente de TI no Grupo Enter, a BMSIX trabalha com tecnologias da  Amazon, Microsoft, IBM SoftLayer, Google e Trendmicro.

A empresa lista em seu sites clientes de porte como American Airlines e C&A e cerca de 50 empresas de menor porte, dentro do foco almejado pela BRQ.

A meta da empresa é fechar 2015 com R$ 5 milhões de faturamento e 150 clientes.

“Acreditamos que Cloud Computing será um setor bilionário no Brasil nos próximos anos e queremos participar disso, mantendo nosso foco em grandes empresas e com a BMSIX para termos uma atuação relevante para o mercado de PMEs”, assegura Benjamin Quadros, CEO da BRQ.

Fundada em 1993, a BRQ conta com mais de 3,5 mil profissionais distribuídos nas filiais de São Paulo, Alphaville, Rio de Janeiro, Curitiba, Brasília, Fortaleza, Salvador, Natal, Recife, Nova Iorque e Santiago.

A BRQ encerrou 2012, último ano com resultados divulgados, com receita de R$ 435 milhões, crescimento médio de 30% sobre 2011.

Veja também

CONTACT CENTER
BRQ: R$ 10 milhões com Genesys

Acordo é divulgado como uma das “iniciativas-chave” da BRQ para o mercado financeiro neste ano.

NO LUGAR DE RENATA RICO
AWS contrata ex-Red Hat para canais

Felipe Podolano, ex-diretor de canais e alianças da Red Hat Brasil, passa a ocupar o cargo.

AGORA SIM
Oracle: data center no Brasil abre em agosto

Mark Hurd aproveitou para cutucar a concorrente SAP.

ESTRATÉGIA
Processor aposta na nuvem

No ano passado, 25% do faturamento da Processor já vem da oferta cloud . Entre as novas vendas, a cifra chega a 50%.

BRASIL
Ingram Micro: novo diretor de vendas cloud

Plano é usar a expertise de José Furst em TI, Telecom e cloud para tornar a distribuidora um provedor master em cloud no país.

ORACLE
Advanced: hora de acelerar em cloud

Para 2015, a expectativa da companhia é que a nuvem passe a representar 30% do faturamento.

CARREIRA
Google for Work tem novo diretor no Brasil

Alessandro Leal assumiu a posição deixada por Antonio Luiz Schuch.