Lung abre código de sua aplicação. Foto: divulgação.

A Lung, companhia gaúcha focada em ações tecnológicas de engajamento e ativismo digital, anunciou que vai abrir o código de sua plataforma PortoAlegre.cc, ferramenta que usa crowdsourcing para agregar informações sobre a capital gaúcha.

Com o anúncio, a empresa planeja levar a ferramenta para outros municípios do país, promovendo a experiência de wikicidade em outros locais.

"Entregamos o código da aplicação para que ela possa auxiliar na resolução de causas e desenvolvimento de ideias em um país que é um laboratório vivo de participação e democracia", destacou a empresa em nota no seu site.

A Lung disponibilizará duas versões do PortoAlegre.cc: a mais antiga, em PHP, e outra com mais features, em Ruby on Rails. Segundo a empresa, ambas as versões não foram pensadas para serem generalizadas e utilizadas em quaisquer territórios.

"Por isso, precisamos da ajuda da comunidade de software livre para ampliar a potência desse gesto e transformar esta solução em mais uma forma de empoderar o cidadão, conectado à gestão pública", completa a companhia em nota.

A iniciativa partiu de uma reunião da empresa com o Egovlab, o gabinete digital do governo sueco, em Estocolmo. A ideia era falar sobre uma forma de aplicar a solução de wikicidades, que usa a colaboração e a participação dos cidadãos em plataformas digitais.

"Com essa decisão, a primeira experiência de wikicidade no Brasil, que ajudou a formar outros projetos bacanas de cidadania como o Meu Rio, agora poderá ser acessada e implementada por qualquer cidadão disposto a sair do conforto de sua cadeira e a unir forças para modificar a realidade atual", finaliza a Lung no comunicado.