75 cidades são atendidas pela tecnologia 4G. Foto: flickr.com/photos/liewcf.

A telefonia móvel 4G está pouco competitiva ainda no país. O serviço é fornecido comercialmente em 75 cidades, porém, em mais da metade, há no máximo duas operadoras atuando. 

São 27 municípios atendidos por apenas uma empresa e em outros 20 há duas na disputa pelos clientes. 

Em dezembro de 2012, a Claro lançou pela primeira vez a tecnologia em Recife e a partir de abril de 2013 é que a competição acirrou com o lançamento de serviços da Vivo, Tim, Oi e Claro em seis capitais, conforme informações do Valor. 

De acordo com a Anatel, até novembro 923,4 mil clientes faziam uso do 4G, menos do que os 4 milhões esperados pelo governo federal, mas dentro do previsto por analistas que avaliaram que 2013 fecharia com 1 milhão de usuários. 

O serviço foi implantado nas cidades sede da Copa das Confederações antes do prazo determinado pela reguladora. No entanto, o ritmo está mais lento nos municípios que irão abrigar os centros de treinamento na Copa do Mundo. 

Apenas nove cidades contam com a disponibilidade das quatro operadoras, segundo a consultoria Teleco: Curitiba, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Distrito Federal, Salvador, Recife, Natal e Fortaleza. 

No leilão da faixa de frequência de 2,5 GHz, em julho de 2012, as operadoras tinham a meta de implantar o 4G em 81 cidades que seriam sedes e subsedes da Copa das Confederações e da Copa do Mundo. 

Por outro lado, a Fifa tem dificultado o processo, visto que não definiu ainda as subsedes, apenas apontou 86 municípios com potencial. 

A Vivo mantém o maior número de cidades com a tecnologia: 73. Com isso, conta com 40,1% do total de clientes até novembro de 2013, com 293,4 mil linhas 4G. A segunda é a Claro com a presença em 60 municípios, mas sendo a terceira em número de usuários, com 20,3% do mercado e 148,2 mil celulares.

Na terceira colocação em cobertura está a Oi, em 24 municípios. Porém, é a última colocada em número de clientes, com 81 mil aparelhos e uso, uma participação de 11,1%. 

A Tim está presente em oito capitais e tem cobertura para atender 12 cidades participantes da Copa, mas nem todas estão com o serviço ativo comercialmente. Quanto aos clientes, a operadora é a vice-líder com participação de 28,5% do mercado e 208 mil linhas. 

O cronograma da Anatel prevê a expansão para todas as capitais e cidades com mais de 500 mil habitantes até maio de 2014.