Tanto autônomos quanto clínicas podem usar as ferramentas. Foto: flickr.com/photos/armymedicine.

A startup ConsultaBem inicia suas operações com um investimento inicial de R$ 2 milhões para fornecer seu serviço em nuvem de ferramentas de call center e gestão de contas do consultório de profissionais da saúde. 

A expectativa da empresa é que o investimento retorne em 24 meses. 

“Estudamos o mercado de serviços para profissionais de saúde e percebemos que havia, no Brasil, uma lacuna no oferecimento de um serviço que realmente trouxesse uma dinâmica diferente ao consultório, aliado à tecnologia”, conta Carlos Rezende, um dos fundadores do serviço.

São oferecidos aos clientes: central telefônica com atendimento personalizado, serviço de agendamento pela internet 24h, software para armazenamento de prontuário eletrônico e ferramenta para controle de pagamentos. 

“O preenchimento de guias de exames e receitas médicas também é realizado na própria ferramenta, podendo ser impressas ou enviadas digitalmente para o paciente, laboratórios ou farmácias”, completa.

A agenda virtual pode ser gerenciada pelos profissionais, pela secretária, pelos atendentes ou pelos pelo interessado via web. O sistema envia para o paciente a confirmação do horário por SMS ou e-mail, podendo incluir lembretes sobre a data e sobre os remédios. 

Os planos são mensais e o valor varia de acordo com a quantidade de serviços contratada para o período. Há opções para profissionais autônomos ou para clínicas. 

Rezende atua há 20 anos no mercado de Tecnologia da Informação e já passou pelas empresas 4Pipe Engenharia Industrial, na JJC Sistemas e na Fábrica de Escovas Suissa.