São seis travessias disponíveis no Hora Marcada. Foto: flickr.com/photos/marcoaurelio13130.

A Dersa Desenvolvimento Rodoviário, responsável pela logística e transporte do estado de São Paulo e pela administração do serviço de travessias litorâneas, decidiu hospedar parte de sua infraestrutura de TI com a Alog.

A empresa procurava um ambiente mais seguro, econômico e que suportasse picos sazonais de acesso. 

“Manter uma plataforma dessas in house demandaria altos investimentos iniciais e, claro, a demanda não seria sempre a mesma. Com uma empresa especializada, há disponibilidade 24x7, independente da quantidade de acessos, e garante atendimento da demanda com a mesma qualidade sempre”, afirma Rodrigo Guerrero, diretor da Alog. 

O data center localizado no Centro da capital paulista irá suportar a infra do Hora Marcada, serviço da Dersa de compra antecipada de bilhetes para balsa no litoral do estado. 

O local recebeu investimento no ano passado para modernização que, junto com o aplicado na unidade do Rio de Janeiro, somam R$ 24 milhões gastos pela Alog.

Nos data centers, foi instalado um segundo ramo de alimentação de carga elétrica, novas instalações de ar condicionado e suplicação de infra de energia elétrica. 

No total, a Alog tem cerca de 550 colaboradores e atende mais de 1,5 mil clientes corporativos em seus quatro data centers nas cidades do RJ, SP e Tamboré. Combinados, eles somam 33 mil m² de área construída com capacidade para mais de 100 mil servidores.

Em fevereiro de 2011, a Alog vendeu 90% de seu capital para a empresa norte-americana Equinix, Inc, fornecedora global de serviços de data centers, passando a absorver a demanda dos clientes nacionais da multinacional.