Edson Silva.

A Nexxera, companhia catarinense líder no mercado de troca eletrônica de dados (EDI, na sigla em inglês), acaba de fechar um acordo com o C6 Bank, banco digital criado por ex-sócios do BTG Pactual que promete ser a próxima grande fintech do mercado brasileiro.

O acordo prevê a criação conjunta de serviços customizados para pequenas e médias empresas, além da oferta de produtos financeiros integrados a soluções tecnológicas para o cliente pessoa física do C6.

As soluções a serem ofertadas ainda estão em fase de desenvolvimento. Com a parceria, as empresas poderão criar, por exemplo, ferramentas para gestão de fluxo de caixa, um dos maiores desafios enfrentados por pequenas e médias empresas.

O C6 ainda está em processo de constituição e não detalha informações sobre o negócio. Conforme reportagem do Valor Econômico em novembro de 2017, Marcelo Kalim, Carlos Fonseca e Leandro Torres, todos egressos do BTG Pactual, previam colocar R$ 500 milhões no C6Bank.

O aplicativo da instituição financeira está hoje em uso por funcionários e convidados, mas clientes já podem entrar no site para pedir um convite para abrir a conta-corrente. O lançamento do banco para o público geral deve ocorrer nos próximos meses.

Sediado em Florianópolis, o Grupo Nexxera processa mais de 2,5 bilhões de transações por ano entre empresas e bancos. O grupo tem escritórios de atendimento em todas as capitais brasileiras, além de representação nos Estados Unidos. 

Segundo o presidente do Grupo Nexxera, Edson Silva, a proposta da aliança é aproveitar as sinergias existentes. “Vamos unir competências num mercado sedento por inovação e facilidades”, diz Silva.