Alexandre Dinkelmann, vice-presidente Executivo de Estratégia e Finanças da Totvs.

A Totvs comprou 68,5% da empresa de soluções de comércio eletrônico Ciashop por  R$16,4 milhões.

O dinheiro será dividido entre o fundo de investimentos Ideiasnet, que tem 50% da empresa e os fundadores, com 18,5%.

A Totvs também investirá até R$ 3 milhões na aquisição de novas ações a serem emitidas pela Ciashop, elevando sua participação para 72% do capital social. Os 28% ficam com os fundadores.

Um total de R$ 2 milhões será pago de acordo com metas nos próximos 30 meses.

“Passamos a oferecer aos nossos clientes, de diversos portes e segmentos, uma solução poderosa de vendas on-line”, informa Alexandre Dinkelmann, vice-presidente Executivo de Estratégia e Finanças da Totvs.

A Ciashop é uma das pioneiras do mercado de e-commerce nacional, atuando há 13 anos. A empresa oferece software como serviço.

Com mais de 70 funcionários e 1 mil lojas online ativas, a Ciashop possui um modelo de negocio de recorrência superior a 80% da receita total, que totalizou R$ 6,3 milhões de receita líquida em 2012.

De acordo com dados da E-Bit, o e-commerce brasileiro deve faturar até o final deste ano R$ 28 bilhões, 25% a mais do que o registrado em 2012. 

A ascenção do mercado levou a um processo de aquisições de empresas fornecedoras de plataformas de comércio eletrônico, em um mercado bastante fragmentado. Ainda em 2011, a varejista japonesa Rakuten comprou 75% da paulista Ikeda.

Ainda assim, é um mercado fragmentado: uma lista do site E-Commerce Brasil aponta mais de 100 fornecedores, aos quais se somam novos players como a E-Smart, fundada com um aporte de R$ 10 milhões pelo ex-CEO da companhia de e-mail marketing paulista Virid.

A Totvs já havia mostrado interesse na área em 2011, quando firmou parceria com a Paradigma Business Solutions, para o fornecimento de soluções de procurement e sourcing como o ClicBusiness, inédito serviço de “collaborative sourcing on demand” desenvolvido pela empresa catarinense.

De maneira geral, a Totvs tem investido em aquisições em 2013, no qual já fez sete operações do tipo.

A primeira foi a compra em janeiro da W&D Participações, dona da PC Sistemas e PC Informática, empresas especializada em software para os setores de distribuição, atacado e varejo por R$ 80 milhões.

Logo depois, a empresa levou 20% da uMov.me, gaúcha de plataforma de mobilidade em nuvem, por  R$ 3,2 milhões.

Em abril, foi a vez da PRX, empresa de Assis, no interior paulista, especializada em TI para o agronegócio na qual a Totvs pagou R$ 11 milhões por 60% da companhia.

Dois meses depois a empresa levou 100% da paulista RMS Software, desenvolvedora de soluções de gestão empresarial para os segmentos de varejo e supermercado por R$ 37,4 milhões.