Cemig contrata Totvs Consulting para se adequar ao eSocial. Foto: divulgação.

A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) contratou a Totvs Consulting, para adequar a empresa às normas do eSocial, nova regulamentação para a troca de informações de Recusos Humanos entre empresas e governo.

Com o projeto, além de atender à nova exigência, a concessionãria pretende otimizar os seus processos e eliminar eventuais riscos trabalhistas e previdenciários. A participação da consultoria no projeto teve início em março deste ano, após a divulgação do layout final do eSocial pelo Governo Federal. O valor do contrato não foi aberto.

Segundo informou a Totvs, o primeiro passo da consultoria foi realizar um diagnóstico, em que foram mapeados os processos das áreas relacionadas ao eSocial, como RH, Financeiro, Controladoria e Jurídico, e analisada a consistência dos dados existentes no sistema de gestão da Cemig para identificar oportunidades de melhoria.

Baseada nessas informações, a consultoria propôs um novo modelo, com processos internos reformulados, para aumentar a confiabilidade dos registros e atender a todas as regras da legislação.

“O plano de implantação desenvolvido prevê, dentre outras ações importantes, o saneamento da base de dados, o aprimoramento dos processos e a simplificação das rotinas de pessoal”, afirma Adriana Maria da Silva, gestora do Projeto eSocial daCemig.

Além disso, a Totvs Consulting elaborou um plano de gestão da mudança de forma a reduzir os impactos da transformação na companhia. Foram aplicadas iniciativas de comunicação em conjunto com os responsáveis pelo projeto na Cemig.

“Como as informações que precisam ser enviadas ao Governo não se restringem apenas à área de recursos humanos, é importante que haja integração e sintonia com os gestores de outras áreas e os empregados, que deverão comunicar à empresa sobre qualquer mudança em seu cadastro”, explica Flávio Vieira, diretor de Setor Público da Totvs Consulting.

A análise dos dados e do risco de exposição e o redesenho dos processos foram concluídos em julho de 2015. Os próximos passos são a adequação do sistema de gestão ao fluxo das informações e o saneamento dos dados. O projeto também envolve a capacitação dos colaboradores da Cemig.

Uma das principais concessionárias de energia elétrica do Brasil, a Cemig responde por 96% da área de concessão em Minas Gerais, com mais de 7,5 milhões de consumidores, em 774 municípios.

A estatal é a maior fornecedora de energia para clientes livres do país, com 25% do mercado, e um dos maiores grupos geradores, responsável pela operação de 70 usinas, com capacidade instalada de 7.295 megawatts.