Foto: Flickr.com/photos/31274959@N08/5960688506/sizes/o/in/photostream/

A unidade de PLM da Siemens lança uma ferramenta de edição de CAD 3D que, segundo a fabricante, aumenta a produtividade em dez ou mais vezes quando se trabalha com dados CAD importados.

Batizada de 3DSync, a nova aplicação está disponível para uso sem custo até 15 de maio. Após o período de degustação, sai por US$ 1,995 nos EUA.

Conforme Chuck Grindstaff, CEO e presidente da Siemens PLM, a solução é voltada a empresas envolvidas em cadeias de desenvolvimento de produtos múltiplos, que, devido a formatos de dados inconsistentes, empregados por muitos dos aplicativos de software CAD concorrentes, têm dificuldade em importar dados e trabalhar com as informações digitais de produtos 3D.

“Muitas vezes, é um trabalho incompatibilizado, propenso a erros, árduo e caro. O intuito do projeto construído em CAD, na forma de regras paramétricas, é perdido durante o processo de tradução, tornando o modelo importado difícil de trabalhar, e muitas vezes inutilizável”, explica ele.

Como resultado, destaca, os engenheiros são muitas vezes obrigados a passar horas ou dias para consertar um modelo importado, ou simplesmente recriar o modelo a partir do zero.

Um problema que Grindstaff garante ter sodp praticamente eliminado para os usuários dos softwares Solid Edge e NX, da Siemens, quando a empresa iniciou sua tecnologia síncrona, em 2008, hoje empregada na nova aplicação.

A tecnologia possibilita interagir com dados 3D importados, reconhecer a intenção do projeto e aplicar automaticamente os parâmetros de design apropriados, reduzindo o tempo de retrabalho do modelo.

Conforme a Siemens, algumas tarefas podem reduzir de dias para minutos seu tempo de execução com a nova solução.

Grindstaff ressalta que o 3DSync é compatível com qualquer sistema CAD.

"É o próximo passo evolutivo para fornecer soluções abertas que ajudam a aumentar a produtividade de desenvolvimento de produto, ao mesmo tempo em que melhoram a compatibilidade de dados na indústria global de transformação”, afirma o CEO.

O 3DSync suporta formatos como Step, Iges, Parasolid e formato de dados JT , além de ter um built-in de tradutores de dados para ajudar a eliminar problemas de incompatibilidade entre versões.