Cezar Tegon.

A Elancers, empresa de sistemas de recrutamento, seleção e consultoria em RH, fechou um acordo com a IBM para fazer uma oferta conjunta das suas soluções de recrutamento com sistemas analíticos da multinacional baseados em computação cognitiva.

Enquanto a Elancers agrega à parceria seu sistema de e-recruitment, utilizado por mais de 10 mil empresas no país, e os serviços de consultoria de RH, a IBM traz o Kenexa Talent Insights e o Kenexa Survey Enterprise.

O Kenexa Talent Insights é uma solução baseada na plataforma cognitiva Watson. Com o sistema, é possível analisar dados de recrutamento para descobrir padrões comuns nas habilidades, experiência profissional e personalidade dos melhores candidatos.

No Hudson Valley Federal Credit Union (HVFCU), um banco americano que foi divulgado no ano passado como um dos primeiros cases do software, a tecnologia foi utilizada para reduzir o turn over nas posições de entrada, como os caixas.

Já o Kenexa Survey Enterprise é um software mais básico de pesquisas internas, cujos dados certamente alimentam as análises do Talent Insights.

“Contratar de modo equivocado acaba acelerando a saída de pessoas e elevando os custos operacionais com o RH. Em um momento como o que vivemos, esses custos exacerbados com contratações e demissões pode comprometer a lucratividade das empresas”, avalia Sidney Sossai, Diretor de Social Business da IBM Brasil.

De acordo com Sossai, o Talent Insights aponta dados a esclarecer e sugere novas perguntas para esclarecer melhor tendências de perfil.

“Para avaliar perfis de profissionais, aplicar testes e definir com mais eficiência os candidatos que chegarão à etapa decisiva da entrevista, é preciso que as empresas realizem essas operações por meio de sistemas de recrutamento e seleção”, acredita Cezar Tegon, presidente da Elancers.

O sistema da IBM de inteligência artificial estará conectado ao sistema da Elancers, que dá às empresas um processo integral de publicação de vagas, seleção de candidatos, entrevistas com os selecionados, aplicação de testes e provas, escolha dos mais aptos e envio dos dados do colaborador aos sistemas de folha de pagamento das empresas. 

Com 15 anos de existência, a Elancers atende a 10 mil empresas e reúne mais de 12 milhões de currículos, sendo 6 milhões deles em bases exclusivas de empresas. 

A tecnologia da IBM pode dar um diferencial para companhia frente a concorrentes como a Catho, que afirma ter vagas de 28 mil empresas.

Nos últimos tempos, a IBM parece inclinada a chegar ao mercado por meio de acordos como o anunciado com a Elancers.

No final do mês passado, um negócio similar foi fechado com a Oi, por meio do qual a operadora passou a oferecer aos seus clientes a plataforma de gerenciamento de dispositivos móveis (MDM, na sigla em inglês) Maas360 na modalidade como serviço.