O conselho diretor da Anatel não acatou os pedidos de impugnação do edital de licitação do 4G e da licença destinada à zona rural com uso da faixa de 450 Megahertz (MHz).

Com a decisão adotada, fica mantida a recusa da comissão de licitação da agência aos pedidos das empresas, feita também na semana passada.

A solicitação de impugnação do edital foi apresentada pelas operadoras Claro, TIM, Vivo, Oi e a sueca AINMT (Net1). As prestadoras serão notificadas da decisão.

A Anatel receberá nessa terça-feira, 05, os documentos de identificação e de regularidade fiscal das empresas que vão participar do leilão, incluindo as propostas de preço dos lances para cada lote de radiofrequência oferecido.

A abertura dos envelopes, momento em que será realizado o leilão, está prevista para o dia 12 de junho.

O valor mínimo de todas as licenças está estimado em R$ 3,85 bilhões.