Ricardo Lepper, CEO da SoftExpert. Foto: divulgação

A joinvilense SoftExpert, especializada em software de automação de processos de gestão, firmou uma parceria com a mexicana Aggily, focada em gestão de processos e performance empresarial.

Conforme o diretor da companhia mexicana, Julio Santos, o acordo alavanca a oferta da companhia em soluções para atendimento a normas e regulamentos como Cobit, FDA, ISO, TS, SOX, Ohsas, ITIL, Pmbok, Six Sigma e BSC, entre outros.

“Isto significa que as empresas mexicanas poderão cumprir com essas exigências e, de forma gradual, avançar a um nível de excelência empresarial, já que as soluções podem trabalhar tanto de forma independente, quanto integradas”, observa Santos.

Ainda segundo o diretor, os mercados foco da parceria serão os de alimentos, automotivo, químico, farmacêutico, transporte e logística, manufatura, tecnologia, arquitetura, construção e projetos.

A aliança expande a estratégia de internacionalização da SoftExpert, que em 2011 já obteve cerca de 20% das vendas no exterior, o que projeta elevar para metade do faturamento geral em um prazo de três a cinco anos.

Outro reforço recente da estratégia foi o acordo fechado pela companhia catarinense na Cebit 2012 com a q-Project, empresa belga que vai iniciar a distribuição do produto dos joinvilenses em países de língua francesa.

Conforme divulgado pela SoftExpert, as investidas na internacionalização têm mostrado resultados galopantes: no ano passado, as vendas externas cresceram 145%, contra 25% no mercado brasileiro.

Daqui para a frente, a meta é manter a cifra em três dígitos fora e acima de 30% no Brasil, segundo Marco Aurélio Hintz, diretor de Desenvolvimento de Negócios da SoftExpert.

O que não significa arrefecer no mercado interno: por aqui, a empresa de Joinville também segue investindo em parcerias, como a firmada no mês passado com a Gestão & Projetos, do Mato Grosso.

Com a aliança, o objetivo é incorporar, no médio prazo, as soluções aos cerca de 30 clientes diretos da mato-grossense, que é especializada em ERP e OSM (Organização Sistemas e Métodos).

Além disso, a estratégia da SoftExpert também passa pelo crescimento inorgânico, via incorporações como a realizada em março com a área de software para gestão integrada da curitibana Xtrategus.

A compra, que agregou cerca de 80 clientes à carteira da companhia joinvilense, tem foco no SMB, que já responde por aproximadamente 96% da lista de atendidos pelos paranaenses.

De acordo com Ricardo Lepper, CEO da SoftExpert, os negócios em nuvem também estão no foco da companhia, o que se demonstra pela parceria firmada em julho de 2011 com a Alog.

A aliança com a gigante de data center potencializou a oferta de serviços e soluções encabeçados pela SoftExpert Excellence Suite (SE Suite), voltada à gestão integrada de excelência e conformidade.

Adaptável a regulamentos de diversos países, a suíte em nuvem é também uma das alavancas da empresa catarinense para crescer no exterior, onde tem operações em mais de 25 países.

Ao todo, a carteira de atendidos pela SoftExpert conta com mais de 2 mil clientes e 300 mil usuários ao redor do mundo.

As soluções da empreas são usadas por empresas de ramos como manufatura, governo, farmacêutico, hospitais e laboratórios, serviços financeiros, alta tecnologia e TI, educação, energia, logística, varejo, serviços, entre outros.