Baguete
InícioNotícias> Amazonas: R$ 2 milhões para inovação

Tamanho da fonte:-A+A

FAPEAM

Amazonas: R$ 2 milhões para inovação

Júlia Merker
// terça, 04/08/2015 09:45

O programa Sinapse da Inovação, iniciativa implementada pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Amazonas (FAPEAM), selecionou 150 projetos para participarem da segunda fase do programa. Ao todo, R$ 2 milhões em recursos serão alocados na iniciativa.

O Amazonas selecionou 150 projetos para o projeto Sinapses. Foto: FCG/Shutterstock.

Os projetos foram escolhidos em meio a 1188 propostas submetidas na primeira fase do programa. Ao final das três fases de seleção, serão escolhidas as 40 empresas que conseguirem dar mais destaque e visibilidade aos seus projetos inovadores. 

Elas receberão um aporte financeiro de R$ 50 mil, como subvenção econômica. 

As 150 ideias escolhidas para a fase dois fazem parte de 10 áreas estratégicas ao Amazonas: eletroeletrônica; metalmecânico; tecnologia da informação e comunicação; bioeconomia; novos materiais; saúde e bem-estar; biotecnologia; energia, petróleo e gás; logística e turismo.

Cada uma das 1188 ideias inscritas na primeira fase passou pela avaliação de, ao menos, dois especialistas nas áreas estratégicas e foram classificadas pelo grau de inovação dentro da área escolhida. 

“As propostas foram analisadas por um grupo de consultores especializado nas áreas as quais o programa visa atuar e foi realizada uma seleção de acordo com o que o programa se propõe, que é implantar essas ideias inovadoras no estado do Amazonas, para que elas possam conseguir se estruturar e se estabelecer plenamente nos quesitos administrativos e econômicos”, afirma o assessor da presidência da FAPEAM, Dércio Luiz Reis.

As 150 ideias que passaram para a segunda fase do programa irão receber uma capacitação empreendedora realizada pela Fundação Certi. 

Depois de uma nova apresentação, serão selecionados até 80 projetos que preencherem os critérios exigidos, tais como: grau de inovação, características e estágio de desenvolvimento do produto/ideia inovadora, clientes potenciais, competência técnica e experiência da equipe, estrutura do negócio e viabilidade econômica.

Na terceira e última fase, denominada de Projeto de Fomento, os empreendedores deverão mostrar como pretendem utilizar os recursos financeiros disponibilizados pela FAPEAM para viabilizar as etapas de implantação do seu projeto de empreendimento.

Júlia Merker