Mais da metade dos desenvolvedores gera menos de US$ 500 com apps. Foto: Juergen Faelchle/Shutterstock.

A pesquisa State of the Developer Nation, desenvolvida pela Vision Mobile, aponta que 51% dos desenvolvedores móveis geram menos de US$ 500 por mês com seus apps. Essa receita mensal coloca os profissionais abaixo da "linha de pobreza" do mercado de conteúdo móvel definida pelo estudo. 

Para a Vision Mobile, o principal erro entre os desenvolvedores é apostar em modelos de negócio pouco lucrativos, como publicidade ou download pago. 

No caso da publicidade, apenas apps com milhões de usuários conseguem gerar uma receita significativa, relata o MobileTime. Entretanto, quando conseguem essa audiência, os apps acabam preferindo a venda direta de seu espaço publicitário, ao invés da utilização de redes de publicidade móvel. 

Já no modelo de download pago, os poucos casos que atingiram o sucesso (geralmente no mundo dos games) alimentam o sonho de milhares de jovens desenvolvedores. A maior parte da receita, segundo a pesquisa, vêm de vendas internas no app. 

O relatório indica, entretanto, que o modelo mais lucrativo entre os aplicativos é o de comércio eletrônico, que vende bens físicos ou serviços. Acontece que somente 10% dos desenvolvedores atuam nessa área, enquanto 46% apostam em publicidade.

Entre os desenvolvedores de apps de comércio eletrônico, 37% ganham acima de US$ 10 mil por mês, enquanto 19% registram mais de US$ 100 mil por mês. 

Entre aqueles que adotaram o modelo de publicidade, apenas 17% têm receita mensal acima de US$ 10 mil, e 6% estão acima de US$ 100 mil.

A última edição da pesquisa entrevistou 13 mil desenvolvedores de diferentes plataformas. A Vision Mobile considerou apenas o faturamento de desenvolvedores que declaram estar interessados em gerar receita, excluindo os que dizem programar por hobby. 

Segundo o estudo, 21% dos desenvolvedores faturam entre US$ 500 e US$ 5 mil por mês, enquanto e 7% geram entre US$ 5 e US$ 10 mil em receita. A Vision Mobile considera esses valores baixos para sustentar um negócio. 

Apenas 21% dos desenvolvedores entrevistados registram um faturamento mensal acima de US$ 10 mil. No total, 8% recebem entre US$ 10 e US$ 50 mil; 9%, entre US$ 50 e US$ 500 mil; e 4%, acima de US$ 500 mil.