MEU NEGÓCIO

Vivo lança app para empreendedorismo

04/09/2015 13:33

Serviço é voltado a pequenos empresários e tem como padrinho o empresário Roberto Justus.

Roberto Justus quer que você use um app. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Vivo lançou nesta quinta-feira, 04, um serviço dedicado ao empreendedorismo, o Vivo Meu Negócio, plataforma multicanal contendo informações sobre gestão do próprio negócio e visão de mercado.

Voltada especialmente a empresários pequenos e iniciantes, o serviço, disponível por SMS, Wap, aplicativo (Android), web e web móvel, tem como âncora o empresário Roberto Justus, sócio fundador do Grupo Newcomm e ex-apresentador do relity show O Aprendiz.

De acordo com a operadora, Justus é um dos desenvolvedores do conteúdo da plataforma, com dicas, cases e outros conteúdos para o sucesso do negócio. O serviço custa R$ 3,99 por semana.

"Pelo aplicativo, os usuários poderão aprender como identificar uma boa oportunidade de negócio, obter informações sobre gestão de pessoas, desenvolver habilidades para estabelecer prioridades e entender a vivencia no dia a dia de uma empresa para que o negócio possa prosperar", afirmou a Vivo em nota.

Por meio da nova ferramenta, a operadora promoverá um concurso para os assinantes do serviço que premiará os três melhores projetos empreendedores com R$ 200 mil em barras de ouro, orientação de instituição especializada e reuniões com Roberto Justus.

Após um período de treinamento na ferramenta, o usuário poderá submeter seu projeto de empreendedorismo dentro do próprio aplicativo através de texto, fotos e vídeo para votação popular. Tão logo a primeira edição do concurso termine, uma nova edição será iniciada.

O novo produto da Vivo chega em um momento de aquecimento para iniciativas empreendedoras no país. Três em cada dez brasileiros adultos entre 18 e 64 anos possuem uma empresa ou estão envolvidos com a criação de um negócio próprio.

Em dez anos, a taxa total de empreendedorismo no Brasil aumentou de 23%, em 2004, para 34,5% no ano passado. Metade desses empreendedores abriu seus negócios há menos de três anos e meio.

Os dados são de uma pesquisa da Global Entrepreneurship Monitor (GEM), feita no Brasil em março pelo Sebrae e pelo Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP). O levantamento mundial sobre o empreendedorismo é fruto da parceria entre a London Business School e o Babson College.

Veja também

CAPACITAÇÃO
Eniac tem programa educacional da Teltec

O projeto envolve 20 professores dos ensinos médio, superior, tecnólogo e profissionalizante. 

CRESCENDO
Oi investe R$ 260 mi no Sul no 1º semestre

Prioridade dos investimentos da telecom está no tripé operações, engenharia e TI.

GESTÃO
Frigorífico Kajory adota ERP Sankhya

A empresa usa os módulos financeiro, comercial e de contabilidade.

TELECOM
TIM expande com Ericsson, Huawei e Nokia

Contrato entre as empresas é válido por três anos, incluindo equipamentos, software e serviços.

JUDICIÁRIO
Juster: resolução de disputas online

A plataforma oferece as possibilidades de negociação, mediação e arbitragem.

INTEGRADORA
Tacira foca em cidades inteligentes

Empresa quer se firmar como a 1ª integradora de TI focada em projetos de cidades inteligentes.

ADMINISTRAÇÃO
Oi faz mudanças em conselho

Mudança prevê fim do bloco de controle com poder de veto sobre propostas executivas.