Facebook com 76 milhões de fakes. Foto: reprodução.

O Facebook divulgou nesta terça-feira, 05, que mais de 76 milhões das suas contas - cerca de 7% da base de usuários - são falsas, de uma forma ou de outra. Este levantamento inclui perfis de gatos e cães.

Os analistas da rede social vasculharam os cerca de 1,06 bilhão de usuários, identificando três tipos de conta que não representam usuários reais: duplicadas, classificadas erroneamente e indesejáveis.

O índice de 7% foi detectado entre os usuários ativos mensais no ano passado. Os números foram divulgados na sexta-feira, 1º, no relatório anual que o Facebook enviou para a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA.

Contas duplicadas, ou aquelas mantidas pelas pessoas junto com a principal, representam 53 milhões (ou 5%) do total, conforme aponta o IDGNow.

Contas classificadas de forma errada, como as criadas para entidades ou animais, que deveriam ter páginas em vez de perfis na rede social, foram responsáveis por cerca de 14 milhões de cadastros, representando 1,3%.

Contas indesejadas criadas por spammers somam cerca de 9,5 milhões de usuários, formando 1% da base de usuários.

Entre os locias com maior percentual de contas falsas estão países em desenvolvimento como Indonésia e Turquia.

Mesmo com o alto número de contas falsas, o Facebook registrou uma queda no número de contas indesejadas, por exemplo, que na metade de 2012 chegou a 14 milhões de cadastros.

Usar um nome falso é contra as políticas do FB, e a companhia incentiva os usuários a denunciar amigos que fazem isso ou criam contas falsas.

"Nós temos uma dedicada equipe de Operações do Usuário que analisa esses relatórios e entra em ação quando necessário", relatou um porta-voz da rede social.