IBM firma acordo com Tech Mahindra. Foto: divulgação.

A IBM anunciou esta semana o fechamento de uma parceria estratégica com a indiana Tech Mahindra, uma das maiores consultorias de TI do mundo, para o desenvolvimento de uma plataforma de desenvolvimento de aplicativos em nuvem.

A oferta será destinada aos clientes de de Bluemix Dedicated, uma versão de usuários individuais do Bluemix, solução que roda na nuvem SoftLayer e combina o software de middleware da IBM e ferramentas de parceiros da IBM para oferecer DevOps na nuvem.

"Por meio dessa parceria, a IBM fornecerá um ambiente de nuvem aberto e flexível para os desenvolvedores da Tech Mahindra, ao permitir construir aplicações nativas e habilitadas na nuvem com um modelo escalável", afirmou a Big Blue em nota.

A Tech Mahindra vai treinar 5 mil de seus próprios desenvolvedores para construir aplicativos avançados em Bluemix para a nuvem híbrida, uma combinação de ambientes público, privado e presencial, que ligam sistemas de registro, tais como sistemas bancários e de contabilidade, com sistemas de acoplamento, tais como aplicativos móveis, situacionais e aplicativos sociais.

Para a Tech Mahindra, a parceria vai ajudar a empresa a qualificar sua força de trabalho em novas ofertas, incluindo serviços de migração para a nuvem, DevOps e Internet das Coisas, mirando setores como manufatura e indústria automotiva.

"Muitos dos nossos clientes buscam, cada vez mais, explorar o poder da nuvem para seus benefícios na promoção de uma maior eficiência, inovação, velocidade e colaboração", disse Raju Wadalkar, Chief Technology Officer, Grupo de Comunicações, da Tech Mahindra. 

Para o CTO, um grande número de empresas está tomando medidas cautelosas em relação à adoção da nuvem devido ao desempenho, à segurança, à soberania de dados e outras preocupações. 

"A abordagem híbrida da IBM Cloud e Bluemix vai nos ajudar a fechar esta lacuna, dando aos nossos clientes uma maior flexibilidade e controle de seus dados enquanto eles planejam e adotam estratégias de nuvem", explica.

Ao se alinhar com a Tech Mahindra, uma empresa com faturamento anual de US$ 3,5 bilhões e mais de 670 clientes em 51 países, a IBM segue suas investidas para reforçar sua presença no mercado cloud.

Em 2014, a companhia firmou parcerias com outros pesos pesados como SAP e Microsoft, em busca de tração no mercado de cloud. Com a multinacional alemã, a Big Blue passou a oferecer tecnologias SAP Hana em nuvem. 

Já com a Microsoft, acordo prevê que serviços de nuvem como o SoftLayer serão capazes de rodar sistemas da Microsoft, como o Windows Server e SQL Server, enquanto os clientes do serviço Azure da fabricante de software poderão usar o WebSphere Liberty e DB2, da IBM.

Além disso, a Big Blue anunciou no início de 2014 planos para expandir sua cobertura em cloud. Em um investimento de US$ 1,2 bilhão, a empresa planeja abrir novos data centers ao redor do mundo - incluindo seu quinto centro no Brasil. No cenário global, a IBM possui vinte centros de dados.