Operação da Dell no Tecnopuc. Foto: http://johnsonmatel.com/.

A Dell vai transferir suas operações de desenvolvimento do Tecnopuc, parque tecnológico da PUC-RS, em Porto Alegre, para Eldorado do Sul, município da região metropolitana da capital onde a multinacional já teve uma fábrica e hoje mantém uma parte do seu comercial e administrativo.

A informação é de fontes de mercado e foi confirmada à reportagem do Baguete pela Dell. O movimento deve ser concluído até o final do ano, afetando cerca de 900 funcionários.

“A decisão foi tomada para alinhar nossa operação à situação econômica do país, otimizando espaços até então não utilizados em nossa sede, a qual conta com capacidade para acomodar todas as equipes e suportar crescimentos futuros”, explicou a Dell por meio de nota enviada ao Baguete.

A Dell destacou também que a saída do Tecnopuc não altera os convênios para pesquisa e desenvolvimento com a PUC-RS e que o Brasil “continua sendo um dos países prioritários para os negócios da Dell no mundo”.

A Dell estava instalada no Tecnopuc desde 2002, sendo uma das primeiras empresas a chegar ao parque, junto com a então HP, e uma das maiores empresas instaladas no local.

O foco principal da operação no Tecnopuc é o desenvolvimento e manutenção dos sistemas da própria Dell. Foi a primeira unidade global de desenvolvimento de software para uso interno da empresa fora dos Estados Unidos.

A TI da Dell, no entanto, está em um momento de transição. No final do ano passado, o CIO  Paul Walsh deixou o cargo após pouco mais de 12 meses na posição. Ele está sendo substituído interinamente por Scott Pittman, líder dos serviços de infraestrutura.

O modelo de desenvolvimento interno da Dell tinha muito que ver com o modelo comercial único com o qual a empresa foi criada, montando PCs altamente customizados e trabalhando com vendas diretas.

Na última década, no entanto, a Dell começou uma conversão para o modelo tradicional, com modelos pré-configurados à venda no varejo e por canais intermediários. Com a queda no mercado de PCs, o fechamento de capital e a mega fusão com a EMC, a empresa está tomando um rumo totalmente diferente.

A operação da Dell em Eldorado do Sul foi inaugurada ainda em 1999, para abrigar uma fábrica de computadores. Em 2007 a empresa moveu a operação fabril para Hortolândia, no interior de São Paulo.

O local fica na área industrial da cidade, às margens da BR-116, a uma distância de 21 quilômetros do atual site no Tecnopuc. O trajeto pode ser feito em meia hora sem trânsito.

A Dell não chegou a comentar isso, mas além de ocupar espaço subutilizado em Eldorado, a companhia também reduzirá custos em Porto Alegre. 

O espaço físico no Tecnopuc, assim como em outros parques tecnológicos bem sucedidos, costuma ter preços similares ao de escritórios em localizações nobres da cidade. 

Ainda que seja difícil conquistar outra empresa com o peso específico da Dell, o parque gaúcho não deve ter problema em ocupar o espaço. Não há mais previsão de ampliação do Tecnopuc e o espaço costuma ser disputado.

A proximidade com Porto Alegre tem atraído para Eldorado as sedes administrativas de diversas empresas como as Lojas Lebes, Dimed-Panvel e Cervosul.

A Dell, no entanto, é uma empresa com um perfil de funcionário bem diferente, muito dos quais estudam na PUC-RS e residem nas proximidades do campus. 

A questão não é tanto o transporte. O SAP Labs, centro de desenvolvimento e suporte da SAP no Tecnosinos, em São Leopoldo, tem muitos funcionários que viajam uma distância maior vindos de Porto Alegre. Eles são servidos por ônibus particulares da empresa, o que a Dell já faz para os seus funcionários de Eldorado.

O problema é que os funcionários da Dell no Tecnopuc se beneficiam do contato com outros profissionais de TI que trabalham no parque e de todos os serviços disponíveis para os alunos da universidade, o que muda bastante em Eldorado, um município de apenas 37 mil habitantes.