Projeto atingirá 1,5 mil alunos na primeira fase. Foto: flickr.com/photos/chefranden.

Dez escolas do estado de São Paulo disponibilizarão aulas de inglês para crianças a partir de seis anos. 

O projeto-piloto da Secretaria Estadual de Educação, em parceria com o Ministério de Educação e Cultura da Holanda, prevê a inclusão de 1,5 mil alunos dos três primeiros anos do ensino fundamental. 

As aulas iniciam ainda nesse mês, duas vezes por semana.

A metodologia usada será a Early Bird, da Universidade de Ciências Aplicadas de Roterdã, que objetiva trabalhar com a oralidade sem comprometer a alfabetização.

Para os cerca de 60 educadores, a secretaria implementou na Escola de Formação e Aperfeiçoamento do Professor (Efap) um curso especializado com duração de uma semana. 

As cidades atendidas nesse primeiro momento são: Assis, Diadema, Guarulhos, Itapecerica da Serra, Jacareí, Lins, Ourinhos, Santos, Suzano e São Paulo.

A estimativa é que, no próximo ano letivo, mais 40 escolas passem a oferecer o ensino da língua para aproximadamente 8 mil crianças nessa idade. 

O governo escolheu a Holanda como parceira nesse projeto porque o país é referência no ensino de inglês como segundo idioma durante o processo de alfabetização.