Evangélicos vão rumor a ser o maior grupo religioso do país. Foto: Divulgação/ Marcha para Jesus Amapá.

A DB1, empresa de desenvolvimento de software sediada em Maringá, no Paraná, está apostando no crescimento das religiões evangélicas no país para lançar um produto de nicho, o aplicativo My Kids.

A solução foca no processo de “check in” das crianças nos chamados “Ministérios Infantis”, as atividades paralelas focadas em crianças realizadas durante os cultos evangélicos para adultos.

De acordo com a empresa, é o único sistema de check-in específico para Ministério Infantil no Brasil, o que parece difícil de duvidar.

Independente do contexto, o problema logístico solucionado pelo aplicativo é o mesmo de qualquer outra atividade na qual muitos pais precisam deixar e recolher muitas crianças no mesmo lugar ao mesmo tempo.

“O objetivo é diminuir as filas na chegada, automatizando o processo e garantindo mais segurança para que os pais participem dos cultos sem preocupações", resume Marcos Antonio Bassoli, diretor de negócios do My Kids.

Com um cadastro simples e rápido, muito semelhante ao das redes sociais, o aplicativo controla a entrada e a saída das crianças da igreja, possibilitando impressão de etiquetas ou pulseiras de identificação a partir do smartphone dos pais ou em totens instalados nas igrejas, com informações complementares sobre alergias e necessidades especiais. 

Já no check-out, possibilita o reconhecimento dos responsáveis para a retirada da criança com segurança e agilidade. Além disso, o App My Kids permite que o Ministério Infantil envie mensagens, estudos ou vídeos para as crianças direto no aplicativo dos pais.

"Para as igrejas, o aplicativo transmite uma imagem de credibilidade e inovação. Também permite a geração de relatórios e gráficos inteligentes que ajudam na tomada de decisão nos processos internos e, o mais importante, possibilita que professores tenham mais tempo para sua tarefa principal, que é cuidar dos pequenos", explica Bassoli.

O My Kids já está sendo utilizado por mais de 20 igrejas em todo o Brasil.

O mercado potencial, no entanto, é  muito maior. De acordo com o censo de 2010, do IBGE, os evangélicos representam 22% da população. 

Atualmente, a estimativa é de que sejam 55 milhões de pessoas, representando 26,7%. A previsão é que até 2040 a população evangélica seja maioria.

A expectativa é também oferecer o app para playgrounds, escolas infantis e centros educacionais que precisem de uma solução customizada para check-in infantil.

A DB1 fechou 2017 com um faturamento de R$ 24 milhões, um aumento de 28% frente aos resultados do ano anterior.

A companhia é uma da dezena de empresas no país a ser certificada MPS.BR no nível A de maturidade, o mais alto do sistema de qualidade de software brasileiro, e tem também o selo CMMI nível 3.

Entre os clientes da DB1 estão nomes como Cooperativa Agrária, Aldo, Cocamar e Banco BMG.