EMPREENDEDORISMO

Painel da Endeavor aprova seis do Brasil

06/01/2015 10:29

Os aprovados são das empresas Avantia, Printi e NeoAssist.

Eduardo Lima, da Avantia, de Recife. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

O 56º Painel Internacional de Seleção da Endeavor (ISP) reconheceu seis empreendedores do Brasil como “Empreendedores Endeavor” de 2014. Os aprovados do Brasil foram Silvio Aragão e Eduardo Lima, da Avantia, de Recife; Florian Hagenbuch e Mate Pencz, da Printi, de São Paulo; e Albert Deweik e Roy Nasser, da também paulistana NeoAssist.

Considerado a última fase do processo de análise, o ISP contou com bancas avaliadoras formadas por cerca de 40 nomes, responsáveis por avaliar 57 empreendedores, de 32 empresas, sediadas em 15 países. 

Os brasileiros receberão o título de “Empreendedores Endeavor” e o apoio da organização, que acontece por meio da conexão a uma rede de grandes mentores, visando alavancar o crescimento dos seus negócios. 

As bancas avaliadoras foram compostas por mentores convidados como Edgar Bronfman Jr, ex-CEO do Warner Music Group; Nicolás Szekasy, ex-CFO do Mercado Libre e fundador da Kaszek Ventures; Andres Moreno, co-fundador e CEO da Open English; e Taddy Hall, vice-presidente senior da Nielsen.

O processo seletivo da Endeavor funciona por indicação e é dividido em várias etapas. Após passarem por um filtro, os empreendedores são submetidos a entrevistas com membros da própria organização e especialistas, além de uma banca nacional e outra internacional. 

Só no ano passado, mais de três mil empresas foram avaliadas no Brasil, 300 foram entrevistadas, e apenas 12 conseguiram a aprovação final. 

Durante o processo são avaliados critérios como potencial de crescimento, tamanho do mercado, diferencial competitivo, e a capacidade de execução dos empreendedores. 

Hoje, a Endeavor Brasil apóia diretamente 128 empreendedores à frente de 72 empresas, que empregam mais de 20 mil pessoas e faturam cerca de R$ 3,8 bilhões de reais.

Presente em 20 países, a Endeavor seleciona e apoia empreendedores de alto impacto, compartilha suas histórias, além de promover estudos e pesquisas que ajudam a entender o cenário do empreendedorismo e orientam as ações de agentes do ecossistema empreendedor.

Veja também

CRESCIMENTO
Softsul: apoio e fusões e aquisições

O alvo são empresas com faturamento na faixa dos R$ 5 milhões e contabilidade bem estruturada.

EMPREENDEDORISMO
Endeavor lança livro “Vai Que Dá”

A obra reúne a história de dez empreendimentos por meio do relato feito pelos próprios fundadores.

ONU
Empreendedoras terão data comemorativa

O Jogo de Damas será responsável pelo lançamento oficial da data no Brasil.

RANKING
Florianópolis: capital mais empreendedora

A capital catarinense se destacou nos quesitos infraestrutura, capital humano e inovação.