Vista aérea de uma plantação de coco. Foto: Pexels.

O Grupo Terral Agro, um dos maiores do agronegócio brasileiro, fez a implementação do sistema de gestão SAP ECC em duas novas operações da empresa, focadas na área de carnes e em água de coco.

O projeto, entregue pela AdopTI, durou 16 meses, contou com oito módulos contemplando áreas como recepção do gado, estoque de matéria-prima, processamento, subprodutos, armazenagem, controle de qualidade, estoques do produto acabado, rendimentos operacionais, painéis concentradores operacionais e medidas de contingência. 

As implementações aconteceram em paralelo com a construção de um frigorífico em Motuca, São Paulo, e uma fábrica de envase de bebida natural em Carneirinho, em Minas Gerais, ao lado da plantação de coco. 

“Prezamos por uma solução completa, integrada, robusta, segura e intuitiva sob o ponto de vista operacional, portanto usabilidade foi uma pauta exaustivamente tratada durante o desenvolvimento do projeto”, afirma o diretor financeiro da Terral Agro, Júlio Ponte.

Sediada em Matão, no interior paulista, a Terral Agro já tem uma forte atuação em cítricos e cereais, em uma área total de 18 mil hectares.

Fundada em 2007, a AdopTI e sediada em Ribeirão Preto, a AdopTI tem um histórico de projetos em grandes clientes do setor de agronegócio, como a Usina Santo Ângelo, um dos grandes processadores de cana de açúcar de Minas Gerais.