NUVEM

G&P se torna cloud provider da Microsoft

06/07/2015 16:44

Distribuidora integrou ao seu portfólio serviços em cloud como Office 365, EMS, Project Online e Visio Pro.

Edivano Nascimento. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A G&P, distribuidora nacional de soluções em TI, integrou ao seu portfólio as plataformas de serviços em cloud da Microsoft, se tornando uma Cloud Solution Provider da multinacional norte-americana.

A companhia, que já era um parceiro com know-how na integração de soluções Microsoft em cloud, conquista agora o diferencial de assumir todo o processo, desde o provisionamento e gerenciamento das licenças, até a implementação, sustentação do ambiente e acompanhamento do ciclo de vida do cliente.

A G&P poderá também integrar os produtos em nuvem da Microsoft como Office 365, Enterprise Mobility Suite, Project Online e Visio Pro for Office 365, ao seu próprio portfólio de soluções.

Segundo a empresa, o plano é alavancar o ritmo de novos negócios, assim como aumentar a qualidade no atendimento aos clientes, eliminando preocupações com processos de aquisição de hardware e licenças.

"Hoje podemos ofertar as soluções como serviço e a G&P assume o papel de único fornecedor”, enfatiza Edivano Nascimento, diretor de operações da G&P. Em 2013, ultimo resultado divulgado pela companhia, a G&P teve um faturamento de R$ 121 milhões.

Ao se tornar CSP da Microsoft, a G&P se alinha a outras fornecedoras da multinacional que também fazem parte do programa da multinacional como Embratel, UOL, Vivo e Compusoftware.

Com 25 anos de mercado, a G&P é parceira Microsoft, Oracle, CA e Symantec, com cerca de 1,5 mil colaboradores distribuídos no território nacional, com clientes como Anac, Aneel, ANP, Banco do Brasil, Infraero, Buscapé, Netshoes e Sebrae.

Veja também

VoxAge planeja crescer 40% em 2006
A VoxAge, especializada na automação por voz nos atendimentos receptivos e ativos a clientes, quer acelerar o ritmo de crescimento obtido no ano passado em cinco pontos percentuais e atingir os 40% até dezembro. O faturamento aumenta devido ao incremento da base de usuários, que cresceu 20% em 2005.

A empresa paulista tem 60 funcionários e conta com cerca de 35 clientes ativos, no Brasil, Europa e Ásia. Entre eles estão Banrisul, Bunge, Casas Bahia, G&P, GetNet e NET.

CRESCIMENTO
G&P fatura R$ 121 milhões em 2013

Empresa cresceu 42%, valor superior ao aumento do setor que foi entre 8 e 10%.

INVESTIMENTO DE R$ 6 MI
G&P amplia Centro de Excelência Oracle

Expectativa é que soluções da Oracle representem 30% do faturamento da empresa.

COORDENANDO
Muniz assume centro de Oracle na G&P

Executivo coordenará centro que receberá investimentos de R$ 6 milhões nos próximos dois anos.

GOVERNO
G&P: BI e data mart para Sefaz/RJ

O projeto visava atender um subconjunto de informações relacionadas ao SPED.

REESTRUTURANDO
G&P: expertise do setor público para o privado

Empresa anunciou mudanças para ampliar a participação do setor privado em seu faturamento.