Fábio Cassettari.

A startup brasileira Meu Entrevistador quer ajudar profissionais no início da sua trajetória profissional com o que chama de um "Netflix de carreira".

A empresa criou uma plataforma online com 1 mil vídeos que simulam entrevistas de emprego com executivos das melhores empresas do país, que podem ser acessados por um custo mensal fixo de R$ 19,90.

Ao todo, a companhia já gravou vídeos com 150 profissionais de RH diferentes, incluindo alguns nomes da área de tecnologia, como Ercilia Vianna, recrutadora sênior na SAP Brasil; Ruy Luiz D' Avila Junior, client partner executive na IBM e Deborah Toschi, ex-manager de RH da Tivit.

A startup tem também nomes de peso na economia em geral, como Sérgio Piza, diretor de RH da Klabin; Lucas Medola, CFO do PayPal e Marcelo Tucci, CEO da Startup Ambev.

Segundo o CEO e co-fundador, Fábio Cassettari, a ideia de criar o site surgiu por conta das frustrações que ele mesmo enfrentou ao ter participado de processos seletivos após a conclusão do curso universitário. 

“Senti falta de algo que me preparasse de uma maneira diferenciada para as vagas das grandes corporações. Que pudesse me conectar com quem de fato decide as vagas mais concorridas do mercado”, explica o empreendedor.

Fábio Cassettari é um profissional jovem, que foi trainee do Itaú. O seu sócio, Alexandre G. Pimenta, é um pouco mais experiente, com passagem pelas operações de CRM de uma série de empresas, incluindo Santander, Loggi e InstaCarro.

A companhia ainda está no começo, com 10 mil usuários cadastrados, uma parte não revelada deles produto de doações de assinaturas para ONGs.

A Meu Entrevistador foi uma das 15 startups selecionadas em abril deste ano para participar da primeira turma de 2019 da Startup Zone, programa do Google que oferece 3 meses de mentorias, palestras, workshops e networking para startups em início de jornada.