STARTUP

Cora levanta US$ 10 milhões com Kaszek e Ribbit

06/12/2019 10:47

Os fundadores da Cora criaram anteriormente a MOIP, que foi vendida para a Wirecard.

Igor Senra e Leo Mendes, funadores da Cora. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Cora, empresa brasileira que oferece serviços financeiros para pequenos e médios negócios, fechou uma rodada de investimento de US$ 10 milhões. O aporte foi liderado pela Kaszek Ventures e acompanhado pela Ribbit Capital.

Os fundadores da Cora, Igor Senra e Leo Mendes, já trabalham juntos há mais de 15 anos. Em 2007, eles criaram a empresa de pagamentos online MOIP, que foi vendida para a Wirecard nove anos depois.

Atualmente, a Cora opera em modelo beta, somente para convidados, oferecendo uma solução de conta digital simplificada. No aplicativo da empresa, o boleto pode ser emitido sem custo.

O lançamento do produto para o público em geral deve ser feito no primeiro semestre de 2020 Hoje é possível entrar na lista de espera da empresa para ter acesso ao produto antecipadamente.

A Cora lançará posteriormente um portfólio de pagamentos, produtos relacionados a crédito e ferramentas de gerenciamento financeiro, que está em fase de desenvolvimento.

“Até agora, as grandes instituições financeiras construíram principalmente produtos focados em pessoas físicas ou grandes clientes corporativos e ignoraram totalmente as pequenas e médias empresas, que são os criadores de valor mais relevantes em nossas economias”, diz Mendes, que lidera as equipes de produtos e tecnologia da empresa.

Para Santiago Fossatti, sócio da Kaszek Ventures, o fundo tem analisado o espaço dado às PMEs no mercado brasileiro. 

“Estávamos vendo a dor que as empresas menores estavam passando, e agora estamos orgulhosos de fazer parceria com a experiente equipe da Cora e se juntar a eles em sua missão”, declara.

Em agosto, a Kaszek Ventures arrecadou US$ 600 milhões para dois novos fundos focados na América Latina. Com a nova captação, o capital total sob administração da organização chegou a aproximadamente US$ 1 bilhão.

Hoje, o ecossistema de startups na América Latina conta com diversas empresas investidas pela Kaszek, como Gympass, Konfio, Nubank e Loggi.

Veja também

CARREIRA
Ex-Nubank é CEO da Lendico

Marcelo Ramalho foi líder de produtos de empréstimo no Nubank.

SEDE
Mandic muda para GoWork

Os 250 funcionários agora trabalham no coworking da Av. Paulista.

MUDANÇA
Zoop contrata diretor de estratégia

Nos últimos sete anos, ele atuou como CEO e sócio da ISONET.

CROWDFUNDING
Startup de vestidos de noiva capta R$ 650 mil

O Amor É Simples participou da rodada de investimentos da CapTable.

DINHEIRO
5 motivos pelos quais as fintechs vieram para ficar

Setor financeiro do Brasil nunca mais voltará a ser o que era antes.

DIVERSIDADE
HerForce: plataforma foca contratação de mulheres

Cerca de metade das cadastradas é da área de tecnologia.

FINTECH
Antecipa recebe aporte de R$ 4,5 milhões

A empresa atende a cerca de 700 clientes, entre eles companhias como Movida e GOL. 

FINTECHS
Maioria das startups inicia com menos de R$ 500 mil

Visa divulgou dados sobre as inscritas em seu programa de aceleração.

CARREIRA
Diretor do Itaú vai ser CFO do Nubank

Marcelo Kopel estava no Itaú desde 2014. 

FINTECH
Neon recebe aporte de R$ 400 milhões

General Atlantic e Banco Votorantim lideram a rodada.