Intel Edison. Foto: flickr.com/photos/davidnicholson1978.

Tamanho da fonte: -A+A

A Intel anunciou nesta segunda-feira, 06, durante a CES 2014, o Edison, um computador em miniatura que tem o tamanho de um cartão SD e funciona com o System on a Chip (SoC) Quark, apresentado pela companhia na metade do ano passado.

Segundo reporta o site norte-americano Endgadget, o pequeno computador roda Linux e é baseado em uma tecnologia proprietária da fabricante que usa transístores de 22nm. Além disso, o chip conta também com Wi-Fi e Bluetooth embutidos.

Embora sua primeira encarnação seja voltada para o uso por desenvolvedores, a Intel estima que seus mini computadores possam ser empregados nas próximas gerações de dispositivos conectados e wearables como óculos e relógios inteligentes.

De acordo com a fabricante de chips, o novo produto deve ficar pronto na metade de 2014.

Na apresentação do Edison, o CEO da Intel Brian Krzanich apresentou algumas aplicações do chip em produtos de saúde, como um sapo de brinquedo que monitora os sinais vitais de um bebê para os pais via uma caneca com display LED, ou que manda sinais para uma mamadeira inteligente que aquece o leite ao ouvir o choro da criança.

Para estimular os desenvolvedores, a Intel pretende fazer uma competição, oferecendo cerca de US$ 1,3 milhão em prêmios para empresas que criarem aplicações para o Edison em wearables, com um prêmio de US$ 500 mil para o primeiro colocado.

DELL TAMBÉM

Embora tenha sua mira em aplicações diferentes, a Dell também está de olho no mercado de computadores de bolso. No ano passado, a companhia anunciou o Project Ophelia, um computador thin client do tamanho de uma pen drive.

O computador, habilitado com Wi-Fi conexão bluetooth para periféricos, funcionará plugado a um monitor ou televisão. Movido por um system-on-a-chip ARM, suporta exibição em 1080p e roda Android Jelly Bean, com até 32GB para arquivos.

Embora o Ophelia ainda não tenha saído, a Dell anunciou que o Ophelia deve custar menos que US$ 100.