As áreas prioritárias são agronegócio, saúde, indústria e cidades inteligentes. Foto: divulgação.

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e a Softex lançaram o do edital do Programa IA² MCTIC, programa de incentivo voltado a startups de inteligência artificial.

A iniciativa vai selecionar 100 projetos de pesquisa orientados ao desenvolvimento de soluções em IA e orçados em até R$ 500 mil cada, financiando até 30 deles.

Na primeira rodada, serão investidos R$ 200 mil, sendo metade do valor oferecido pelo projeto e a outra metade pelas aceleradoras. A segunda rodada deve ter o aporte no valor de R$ 300 mil, também dividido em duas partes iguais.

As áreas prioritárias são agronegócio, saúde, indústria e cidades inteligentes.

“O Programa surgiu para atender uma demanda do próprio mercado. Nosso intuito é estimular projetos colaborativos nessa área, por meio da inovação aberta, com recursos da nova Lei de TICs”, explica Paulo Alvim, secretário de empreendedorismo e inovação do Governo Federal.

Neste primeiro momento, o edital chama instituições credenciadas ao CATI (ICTs) e aceleradoras com experiência aplicada em IA, selecionando 20 delas. Neste caso, é possível fazer as inscrições através do site do projeto até março.

Na sequência, será efetuada a seleção de startups, empresas de TI e grupos de pesquisa que apresentem modelos de negócios escaláveis e soluções de IA.

Entre junho e setembro deste ano, deve acontecer a pré-aceleração, preparando os empreendedores dos 100 projetos para a etapa de desenvolvimento da solução.

Após essa etapa, devem ser selecionadas as 30 startups para a primeira rodada de investimento, seguida pela seleção de empresas âncora.

A segunda rodada, que afunila para até 15 projetos, deve acontecer em junho de 2021.

“Esse novo programa de inovação aberta nos permitirá aumentar tanto a competitividade como a internacionalização das tecnologias brasileiras, bem como a competitividade, a inovação e a eficiência do setor produtivo nacional”, avalia Ruben Delgado, presidente da Softex.