Guilherme Reitz, Leandro Baptista, fundadores da Axado. Foto: Divulgação.

O Mercado Livre adquiriu o controle acionário da Axado, focada em gestão de fretes e soluções para e-commerce, por R$ 26 milhões.

Atualmente, o Axado conta com 580 transportadoras integradas e calcula o frete para mais de 2,5 mil lojas virtuais.

A aquisição visa ampliar os serviços da unidade de negócios de logística do Mercado Livre, a Mercado Envios, que oferece tecnologia de frete e coleta de mercadorias junto a transportadoras parceiras. 

Com o Axado, os vendedores que utilizam o marketplace do Mercado Livre terão acesso a uma variedade de soluções logísticas, incluindo o aprimoramento do sistema atual de gestão de transportes (TMS, na sigla em inglês).

“Essa aquisição reforça ainda mais o nosso ecossistema de serviços voltados a empreendedores de comércio eletrônico de todos os portes no Brasil”, afirma Leandro Bassoi, diretor de Mercado Envios.

Com a aquisição, os mais de 50 funcionários do Axado passam a fazer parte do quadro de colaboradores do Mercado Livre Brasil, seguindo localizados em Florianópolis.

Os sócios do Axado - , Leandro Baptista, Michel Kommers e Eduardo Franceschett, vindo da Shipfy, adquirida pela catarinense em agosto de 2015 - continuarão responsáveis pela gestão da empresa.

“Este investimento realizado por uma empresa do porte do Mercado Livre é um reconhecimento da qualidade do nosso trabalho. Nosso propósito sempre foi revolucionar a logística no Brasil. E nesse momento, com o Mercado Livre, acredito que estamos muito mais perto de realizá-lo”, afirma Guilherme Reitz, sócio- fundador do Axado.

Entre os clientes da Axado estão a varejista de artigos esportivos Decathlon, a loja online Camiseteria, a E-lens e a Estrela10, uma das maiores vendedoras do Mercado Livre.

“A aquisição do Axado está em linha com o objetivo principal do Mercado Livre, que é oferecer a melhor tecnologia para a atividade de comércio eletrônico. Com isso, estamos dando um importante passo para democratizar ferramentas de gestão logística para o varejo online”, afirma Helisson Lemos, presidente do Mercado Livre Brasil.

Fundado em 1999, o Mercado Livre está presente em 19 países e conta com as áreas de negócios MercadoLivre.com, Mercado Pago, Mercado Livre Classificados, Mercado Livre Publicidade, Mercado Envios + Axado e KPL.

O MercadoLivre.com atende a mais de 145 milhões de usuários registrados. Em abril de 2015, o Mercado Livre Brasil adquiriu a empresa KPL Soluções, provedora de ferramentas de gestão para o e-commerce, e passou a oferecer sistemas de ERP e back-office para lojas virtuais.

A empresa alcançou uma receita líquida de US$ 651,8 milhões em 2015, um crescimento de 17% sobre 2014.