Bruno Penha, novo diretor de transformação digital e eficiência da Almaviva. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Almaviva do Brasil, especializada nos segmentos de Customer Experience (CX) e Business Process Outsourcing (BPO), anunciou a contratação de Bruno Penha como o novo diretor de transformação digital e eficiência da companhia.

Penha vem da Vivo, onde atuava há sete anos, sendo os últimos três como gerente de transformação digital. Ao longo de 14 anos de carreira, também passou pelas empresas Cybertécnica, Econocom Brasil, Global Productivity Solutions, AT&T e Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

O executivo é graduado em análise e desenvolvimento de sistemas pela Unicamp, tem MBA em gestão estratégica de projetos pela Universidade de São Paulo e em inovação e transformação digital pelo Instituto de Gestão e Tecnologia da Informação.

Na Almaviva, sua principal missão será a transformação da proposta de valor da empresa para os clientes, parceiros e colaboradores em todo o país, com base em avanços da digitalização. 

Isso envolve desde a consolidação de projetos com soluções disruptivas para o mercado, potencialização dos modelos de operação para maximizar a jornada de experiência do público-alvo da marca, até as transformações na estrutura interna com novos conceitos de governança e eficácia.

"Oferecer apenas um tipo de serviço ou experiência deixou de ser opção há muito tempo e para que a Almaviva continue sendo uma das principais líderes do segmento, com resultados comprovados a seus clientes, seguiremos agora ainda mais fortes em desenvolvimento de novas soluções", afirma Penha.

A Almaviva do Brasil faz parte do Grupo Almaviva, companhia italiana que possui 66 sedes distribuídas em nove países: Itália, Bélgica, Brasil, China, Colômbia, Estados Unidos, Romênia, Tunísia e Arábia Saudita.

No Brasil, a empresa tem sede em São Paulo e possui aproximadamente 33 mil colaboradores, distribuídos em 15 sites e escritórios em 11 cidades.