PÓLOS

SCTI puxa a orelha da Faccat

07/08/2012 14:24

Instituição não participou de edital da secretaria para polos de inovação.

O secretário Prodanov durante reunião com o prefeito de Taquara, Délcio Hugentobler. Foto: SCTI.

Tamanho da fonte: -A+A

O secretário da Ciência, Inovação e Desenvolvimento Tecnológico(SCIT), Cleber Prodanov, deu um puxão de orelhas na Faculdades Integradas de Taquara (Faccat) durante reunião com o prefeito da cidade, Délcio Hugentobler (PDT-RS), nesta quinta-feira, 02.

“É preciso um alinhamento com a universidade para construção de projetos direcionados ao desenvolvimento local, para diversificação da economia e geração de renda e emprego”, disse Prodanov, ao comentar o fato de que o Polo de Modernização Tecnológica do Vale do Paranhana não participou do edital do Programa de Apoio de Polos Tecnológicos do RS.

De acordo com nota divulgada pela SCIT, a a Faccat é a unidade executora do Polo de Modernização Tecnológica do Vale do Paranhana, que une 10 municípios, incluindo cidades como Igrejinha, Parobé, Riozinho, Rolante, Taquara e Três Coroas.

O edital previa R$ 17 milhões, com verbas máximas de R$ 2,5 milhões por Polo.

A SCIT recebeu um total de 30 projetos, de nove instituições universitárias e de 14 diferentes Polos, vinculados aos seus respectivos Coredes, alcançando uma demanda de R$ 18,7 milhões, 10% a mais do que o disponibilizado.

São 25 polos no total, dois deles oficializados em maio desse ano, ligados à UPF (polo do Alto da Serra do Botucaraí) e à URI (polo do Vale do Jaguari). A SCIT não divulgou outras visitas a outros polos que não apresentaram propostas.

No caso do Vale do Paranhana, o diretor-geral da Faccat, Delmar Backes, acumula a gestão da instituição de ensino superior e do Corede local. 

Backes é tido como uma pessoa de bom trânsito político e chegou a ser convidado por Yeda Crusius (PSDB-RS) para assumir a secretaria de Ciência e Tecnologia em 2010, mas não aceitou.

A reportagem do Baguete Diário procurou a Faccat, mas a instituição não deu retorno dos contatos até o fechamento desta matéria.

Ao entregar um relatório ao prefeito e ao deputado estadual Luís Lauremann (PT-RS) Prodanov propôs a instalação de incubadoras tecnológicas e apoio às empresas da região.

É outra pontada na Faccat, uma vez que a instituição é a responsável por criar uma Incubadora de Base Tecnológica para a região, projeto iniciado em 2009 que de acordo com o site da Agenda Paranhana 2020 deveria estar entregue em março desde ano e não tem um novo prazo estabelecido.

A Agenda Paranhana é uma iniciativa nos moldes da Agenda 2020 em nível estadual, unindo prefeituras e associações locais sob a coordenação da CICS-VP (Câmara da Indústria, Comércio, Serviços e Agropecuária do Vale do Paranhana) com o apoio da Agência de Desenvolvimento Pólo-RS.

Veja também

OpServices: outsourcing com Faccat

A OpServices, com sede em Porto Alegre, está experimentando um jeito diferente de outsourcing.

Em parceria com as Faculdades Integradas de Taquara (Faccat) – a 73 quilômetros de Porto Alegre –, a empresa está terceirizando o desenvolvimento de parte do OpMon, app voltada  à análise de tráfego.

Segundo o presidente da OpServices, Dario Bestetti, a expectativa é de economizar de 30% a 40% na comparação com o processo normal de para o desenvolvimento do programa.

NOVO HAMBURGO
Hamburgtech pode ter expansão

Colégio Estadual Senador Alberto Pasqualini, também localizado no bairro Hamburgo Velho, pode receber uma unidade do parque como parte dos planos de revitalização.

INCENTIVO
SC dá R$ 5 milhões para inovação

Na lista geral, de 100 contemplados, cerca de 40% envolve projetos de TI – com dispositivos móveis, softwares e projetos envolvendo a web.

INOVAÇÃO
A 1ª incubadora de TI de Goiás

O Incubalog é parte do Centro de Inovação em Logística, espaço inaugurado em outubro do ano passado pela PC Sistemas.

AMPLIAÇÃO
Valetec ampliada em Campo Bom

Parque acaba de receber uma doação de 10 hectares da prefeitura de Campo Bom, aumentando sua área em 50%.

TECNOCENTRO
Indra é âncora de parque baiano

Multinacional espanhola será uma das âncoras do parque tecnológico a ser inaugurado em Salvador até o final do ano.