Chinelos Havaianas são um case de sucesso mundial do Brasil. Foto: www.flickr.com/photos/zemlinki/

A Havaianas está fazendo a gestão de pagamentos do seu e-commerce europeu com um produto da Minsait, empresa de consultoria de TI do grupo espanhol Indra.

O projeto aconteceu em meio a um boom nas vendas de chinelos da marca pela Internet motivado pelo coronavírus.

A Minsait implantou a solução Onesait Ecosystems, que permite à Alpargatas Europe controlar as vendas online, conectando-se a qualquer entidade adquirente em qualquer país. 

Ao cruzar as ordens de venda on-line com os pagamentos feitos pelos adquirentes, é possível ter um controle sobre as vendas e gerar automaticamente a receita obtida da empresa,. 

A Havaianas teve um aumento de compras on-line aumentarem 300% com a pandemia e o isolamento social.

A nova ferramenta trouxe economia de 80% a 90% no tempo que essa tarefa levava para ser feita anteriormente, além de reduzir em 95% a fuga de capital no processo de compra, já que esta pode ser detectada de forma automática.

O software é vendido como serviço e também ajuda a unificar as políticas de contabilidade e tesouraria com os mesmos critérios em todo o mundo.

O projeto é importante para a Havaianas, onde as vendas internacionais já representam 46% da receita líquida da companhia no segundo trimestre, ante 33% de participação no mesmo período do ano anterior.

No mesmo período, a receita da Alpargatas no Brasil encolheu 35,4%, para R$ 364,5 milhões. No mercado internacional, as vendas de Havaianas avançaram 11,7% no trimestre, para R$ 316 milhões.

Os principais mercados são Estados Unidos, Europa e China.

A Minsait faz parte da Indra, que está no Brasil desde 1996. O grupo conta com mais de 8,5 mil profissionais e escritórios distribuídos nos principais estados brasileiros.

Globalmente, a Indra fechou o ano fiscal de 2019 com receita de € 3,2 bilhões e 49 mil colaboradores distribuídos em 46 países, além de operações comerciais em mais de 140.