No site, é possível ver câmeras que estão espalhadas por 256 países. Foto: Ed Samuel/Shutterstock.com.

Um site está transmitindo imagens de mais de 73 mil câmeras de segurança cujos proprietários não mudaram as senhas padrão das fabricantes. O Insecam possui feeds de câmeras em todo o mundo, incluindo 1.195 no Brasil.

No Estados Unidos, são mais de 11 mil aparelhos transmitindo imagens em tempo real.

Uma olhada rápida mostra muitas lojas e vários estacionamentos e lojas, mas também é possível encontrar salas e quartos de residências, relata o Gizmodo.

É possível ver câmeras que estão espalhadas por 256 países e são dos fabricantes Foscam, Linksys, Panasonic, Avtech e Hikvision DVRs. Algumas estão listadas no site apenas como “câmera IP”.

"Este site foi concebido a fim de mostrar a importância das configurações de segurança", afirma a página. Mas ele está também sendo usado para lucrar com anúncios.

Os links para streaming poderiam ser achados mesmo no Google ou no Shodan, mas o Insecam coloca todas as transmissões em um lugar fácil de ser acessado, o que torna a situação ainda mais estranha.

Não está claro quem exatamente está por trás do site, mas o domínio está registado no GoDaddy com um endereço IP ligado a Moscou.

Para evitar que a câmera seja transmitida pelo site, o proprietário precisa somente alterar a senha. Para isso, é claro, ele precisa primeiro ficar sabendo sobre o site para descobrir que esse problema existe.