Celular paga contas com TIM, Master e CEF. Foto: Flickr.com/28478778@N05

Caixa Econômica Federal, TIM e Mastercard acabam de firmar um acordo para lançamento, provavelmente no segundo semestre, de uma solução de m-payment.

Conforme divulgado pelas três empresas, a novidade permitirá pagar pelo celular compras feitas em mais de 1,5 milhão de estabelecimentos do país.

A ferramenta funciona assim: o assinante da TIM faz uma conta pré-paga virtual, pela qual fará as compras quitadas via celular, ou então utiliza um cartão de crédito tradicional, vinculado a seu número de telefone.

Além das negociações comerciais, outras transações financeiras deverão ser possíveis pela solução, embora ainda não haja detalhes divulgados.

No acordo, a Caixa fica com a parte de gestão de conta, enquanto a MasterCard assume a gestão da plataforma de m-payment e o processamento das transações.

MAIS

Não foi a única parceria anunciada pela TIM na área de crédito esta semana. Nesta terça-feira, 08, a operadora lançou com o Banco BMG o BMG TIMChip, um SIM card personalizado para os clientes que operam com os cartões de crédito da instituição financeira.

O produto permite aos usuários receberem bônus em seus celulares, além de ter acesso a operações como recarga e consulta de saldo.

A novidade também possibilita transformar parte do valor da fatura dos cartões BMG Card e BMG Master em bônus para o celular, além de contar com um aplicativo de acesso a serviços bancários exclusivos.

Pela nova oferta, a cada R$ 70 gastos nos cartões de crédito do BMG, o cliente receberá R$ 1 em bônus no BMG TIMChip, que poderá ser usado em ligações locais ilimitadas de TIM para TIM ou fixo, bem como em diárias de SMS ou internet.

O serviço segue a linha da parceria anunciada em 2011 pela TIM com o Itaú para lançar um cartão de crédito com programa de pontos para clientes da operadora.

Batizado de TIM Itaucard, o cartão usa as bandeiras MasterCard ou Visa e oferece descontos em cinema e teatros, mas os assinantes pessoa física da operadora também acumulam pontos que podem ser trocados por celulares ou milhas aéreas.

Para a Master, a nova parceria com a TIM também não é novidade: a administradora de cartões de crédito já tem histórico em alianças com teles no país, como a joint venture que firmou em novembro de 2011 com a Telefônica.

Empresa independente, com 50% das ações para cada sócio, a joint venture previa a oferta de soluções financeiras móveis aos 65 milhões de clientes da Vivo no Brasil.

M-PAYMENT
Apostas em um segmento em ascensão.

Conforme estimativas do Gartner, o número mundial de usuários de pagamentos móveis superou a marca de 141 milhões em 2011, com alta de 38,2% sobre o ano anterior, movimentando US$ 86,1 bilhões, cifra que deve chegar a US$ 600 bilhões globais em 2013.