FAÇANHAS

Governo do RS sofre ataque cibernético

08/02/2022 14:38

Autoria foi reivindicada pelo grupo Paraná Cyber Mafia, mesmo que atacou a Bahia recentemente.

Sites ligados ao governo ainda estão fora do ar. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

O Governo Estadual do Rio Grande do Sul sofreu um ataque cibernético na madrugada desta terça-feira, 8, e está com os seus sites fora do ar, inclusive o da Companhia de Processamento de Dados do Estado (Procergs).

Segundo o CISO Advisor, ataque foi com defacement, quando se realiza modificações de conteúdo e estética de uma página, e teve a autoria reivindicada pelo grupo Paraná Cyber Mafia.

Quando se pesquisa a página do governo no Google, é possível ver a seguinte mensagem: “PROCERGS, você caiu na hackeada da Paraná Cyber Mafia. Como penalidade, todos os serviços online do Rio Grande do Sul vão pro saco. :)”.

A Procergs publicou uma nota informando um “acesso indevido em alguns sites do governo do Estado do RS” e disse que, ainda durante a madrugada, identificou e bloqueou esta iniciativa por meio de suas monitorias ativas.

“Todas as providências para sanar essa situação já foram tomadas. O evento se deu em um ambiente restrito e sem vazamento de dados. Todos os cuidados estão sendo tomados para retorno dos serviços afetados com a maior brevidade possível”, afirmou a empresa.

Além da Procergs, estão fora do ar sites de prefeituras como a de Igualdade, de órgãos como o Detran-RS e o Instituto-Geral de Perícias (IGP), bem como de secretarias estaduais, inclusive da Saúde, Fazenda e da Segurança Pública.

Segundo o site GaúchaZH, o incidente afeta serviços como a emissão de notas fiscais, o agendamento para a emissão de documentos e a apresentação de dados relacionados à Covid-19.

O Paraná Cyber Mafia, que assinou o ataque, recentemente atacou os governos da Bahia, onde caíram 21 portais, e de Santa Catarina, onde caíram sites de 245 prefeituras.

De acordo com a Folha de Boa Vista, os hackers também já realizaram invasões na Secretaria Estadual da Fazenda de Roraima (Sefaz-RR), na Prefeitura Municipal de Boa Vista e no Governo do Rio de Janeiro, além das prefeituras de Suzano (SP) e Contagem (MG).

Veja também

CONTEÚDO
Conheça o Startupdareal

Perfil de sucesso nas redes sociais decidiu sair do anonimato.

SEGURANÇA
LogBank: vazam mais de 2 mil chaves Pix

A fintech foi comprada pelo Grupo Stefanini em 2020 e faz parte da Orbitall.

BOMBOU
Brasoftware: alta de 50% em 2021

Embalada pela pandemia, integradora chega aos R$ 2,82 bilhões de faturamento.

AMBIENTE
UBEC migra para a nuvem com Citrix

Com a Brasoftware, a associação adquiriu quase 28 mil licenças do Citrix Virtual Apps & Desktops.

SEGURANÇA
Grupo paranaense ataca sites do Governo da Bahia

Mais de 20 portais foram hackeados, incluindo insultos ao governador e à vacina.

SEGURANÇA
XLabs barra ataque a grande data center

Hackers de alto calibre tentaram explorar a vulnerabilidade Log4Shell.