HTC One, uma das salvações. Foto: divulgação.

A taiwanesa HTC divulgou nesta segunda-feira, 08, seus resultados para o 1º trimestre de 2013, registrando a estrondosa queda de 98,1% em seu lucro líquido, em comparação com o mesmo período em 2012.

De acordo com os valores, ainda não auditados, a companhia registrou lucro de US$ 2,8 milhões no período fechado em 31 de março. No ano anterior, o lucro foi de US$ 148,55 milhões.

A receita caiu de US$ 2,25 bilhões no primeiro trimestre de 2012 para US$ 1,42 bilhões.

Segundo informa o Wall Street Journal, os números refletem a queda nas vendas sofridas pela companhia, que adiou o lançamento de sua nova linha de smartphones.

A empresa vem enfrentando a forte concorrência da coreana Samsung e também lida com a chegada de diversos fabricantes chineses no mercado de dispositivos de baixo custo.

Em 2010, a HTC foi a empresa que mais vendeu aparelhos com o sistema Android nos Estados Unidos.

Mesmo com o revés sofrido, a empresa promete reagir nos próximos meses, com o lançamento do smartphone HTC First, o primeiro modelo do mercado a contar nativamente com o Facebook Home, interface para Android otimizada para a rede social.

Além disso, depois dos adiamentos, o elogiado smarphone high-end HTC One deverá chegar às lojas norte-americanas nas próximas semanas. Segundo a analista Birdy Lu, a chegada do One terá um impacto positivo para a empresa de Taiwan.

"Ela (HTC) terá avanços neste trimestre em termos de lucro, mas ainda terá que enfrentar uma forte competição", avalia.