Foto: flickr.com/photos/mezzoblue

Android e iOS — respectivamente, os sistemas operacionais móveis de Google e Apple — responderam por 85% das vendas totais desses aparelhos no segundo trimestre, segundo levantamento da consultoria IDC, polarizando mais a disputa no segmento.

Segundo a empresa de pesquisas, as vendas de smartphones baseados no Android atingiram um volume de 104,8 milhões de unidades entre abril e junho.

O número representou um salto de 106,5% em relação ao mesmo intervalo de 2011.

Com esse índice, o Google alcançou uma participação de 68,1% nesse segmento. No trimestre, a Apple, por sua vez, somou vendas de 26 milhões de iPhones, um salto de 27,5% na comparação anual, com uma participação de 16,9%.

Contrastando com o domínio das duas companhias, o período reforçou a tendência de queda da RIM e da Nokia, fabricantes que já concentraram boa parte das vendas de smartphones.

As vendas do BlackBerry, da RIM, totalizaram 7,4 milhões de unidades, um recuo de 40,9% sobre o mesmo período, há um ano. A participação da empresa ficou em 4,8%, contra 11,5% de 2011.

Já os aparelhos da Nokia baseados no sistema operacional Symbian somaram vendas de 6,8 milhões de unidades, queda de 62,9%.

A pesquisa indicou ainda que os smartphones que rodam o Windows Phone, sistema operacional móvel da Microsoft, tiveram um volume de vendas de 5,4 milhões de aparelhos, o que conferiu à empresa um crescimento de 115,3% e uma participação no segmento de 3,5%.