Cleber Morais, presidente da Bematech. Foto: divulgação.

A Bematech, paranaense focada em soluçoes de automação comercial, lucrou R$ 6,06 milhões no segundo trimestre deste ano, aumento anual de 83% que o diretor-presidente, Cleber Morais, credita à reduçao de despesas de vendas.

No trimestre, o faturamento da companhia subiu 20,6%, chegando a R$ 83,8 milhões. Já na comparaçao semestral, a empresa aumentou a geração de caixa líquido, que passou de R$ 12,1 milhões no 1S11 para R$ 31,9 milhões no 1S12.

Para Morais, a incorporação, em fevereiro, da CMNet, fornecedora de software para o setor hoteleiro com a qual a Bematech trabalha em uma oferta integrada também para o setor de alimentação, impulsionou os ganhos do período.

CRESCIMENTO EXTERNO

Outra alavanca foram as vendas no exterior, que hoje têm fatia de 10% na receita da companhia e cresceram 33% do primeiro trimestre de 2011 para o mesmo intervalo de 2012.

PULVERIZANDO

No mercado nacional, um programa de canais iniciado nos primeiros três meses deste ano também contribuiu para o crescimento, acredita o executivo.

“Isso ampliou a cobertura regional e gerou aumento de vendas e resultados positivos, mesmo diante de um cenário de varejo desacelerado”, comenta ele.

PONTO A PONTO

Com cerca de 1 mil colaboradores no Brasil, China, Taiwan, EUA, Argentina, Chile e Portugal, a Bematech tem quatro centros de excelência em P&D e atua por meio das unidades de Hardware, Software e Serviços.

No trimestre, a terceira delas foi a única a ter queda nas receitas, comparada ao mesmo período de 2011, com redução no número de contratos avulsos fechados e somando R$ 9 milhões.

Mesmo assim, a divisao reverteu o resultado vermelho registrado em março de 2011, quando a margem bruta da área foi de -9,3%. No atual trimestre, o valor foi positivo, de 23,4%.

Em Hardware, a receita subiu 20,3% ano/ano, atingindo R$ 52,4 milhões, mas a margem teve queda de 10 pontos percentuais (41,6%), devido ao aumento de custos com a variação cambial, diz Morais.

Entre outros fatores, contribuiram para o desempenho dessa unidade a parceria firmada com a Microcity para oferta de PDV as a Service, alem do lançamento da MP-4200 TH FI, impressora fiscal homologada de acordo com as exigências da nova legislação do Confaz.

A unidade de Software avançou 34% na receita líquida, chegando a R$ 22,5 milhões.

Neste segmento, a Bematech ressalta a reformulação da equipe comercial e a criação de uma subdivisão para atender a redes e franquias.

“Isso possibilitou a conquista de dois importantes contratos no trimestre”, comenta Morais.

A consolidação dos números totais da CMNet também impactou o balanço dessa área de negócios.

P&D
No trimestre, a Bematech investiu 3,4% da receita líquida em pesquisa e desenvolvimento, somando R$ 2,9 milhões.

“Trimestre a trimestre é perceptível nossa disciplina em cumprir a estratégia de crescimento. Por mais um período, os números vieram positivos, o que demonstra consistência nos avanços”, finaliza Morais.

O diretor-presidente vem conduzindo há cerca de um ano um processo de reestruturação da empresa, que incluiu trocas de executivos, criação de novas diretorias e redução de unidades de negócios, entre outras ações.