Dennis Herszkowicz, CEO da Totvs.

A Totvs faturou R$ 564 milhões no segundo trimestre do ano, o que representa um crescimento de 8,8% em relação ao mesmo período de 2018. 

No mesmo período, o lucro líquido mais que dobrou atingindo R$ 57,5 milhões, alta de 108,7% na comparação ano-a-ano.

Os resultados parecem sinalizar que a Totvs está se estabilizando num ritmo mais acelerado de crescimento. No trimestre anterior, a cifra havia sido de 8,6%.

Em 2018, a receita líquida total foi de R$ 2,32 bilhões, o que representa uma alta de 4,1% frente aos resultados de 2017. 

No segundo trimestre, a Totvs teve ainda receita recorrente de R$ 428,5 milhões, um incremento de 12,1%.

"O crescimento de dois dígitos e o aumento da Receita Recorrente são reflexo de ações bem-sucedidas da companhia, tanto por um esforço comercial cada vez mais eficiente, pelo aumento da venda de ofertas cross", destaca Dennis Herszkowicz, CEO da Totvs.

A Totvs costuma enfatizar a receita recorrente nas suas divulgações de resultados. 

Esse dado é importante porque sinaliza que a Totvs já está bastante adiantada na sua estratégia de migração do modelo convencional de venda de software por licenças para de assinaturas mensais.

No curto prazo, uma migração desse tipo afeta o faturamento e o lucro, o que, junto com a crise econômica dos últimos anos, contribuiu para baixar o ritmo, ou, no caso de 2016, fazer a Totvs retroceder o ritmo de crescimento como um todo.

Os últimos dois resultados de crescimento, próximos da casa dos 10%,  sinalizam que talvez a empresa possa voltar a emplacar uma expansão como a vista no passado, quando crescimento de dois dígitos era a regra.

A empresa está dando sinalizações externas de um novo momento. Em junho, voltou a organizar o Universo Totvs, seu evento nacional, que atraiu 4.500 participantes por dia e 60 expositores. O evento não acontecia há três anos, o período da transição no modelo de negócios.

A Totvs também conseguiu realizar uma aguardada transição na liderança, com a vinda de  Herszkowicz, ex-CFO da concorrente Linx, que assumiu a posição de CEO em novembro do ano passado, no lugar do fundador Laércio Cosentino. 

Em abril, a Totvs captou  R$ 1,06 bilhão com uma emissão de ações na Bovespa. 

As ações da Totvs estão na casa R$ 50, o seu maior valor histórico. Desde setembro do ano passado, elas dobraram de valor.