Carlos Netto, CEO da Matera.

A Matera, empresa de tecnologia para os mercados financeiro, varejista e de gestão de riscos, faturou R$ 101 milhões no ano passado, uma alta de 26% frente aos resultados de 2017.

A companhia fechou o ano com 100 clientes em seu portfólio, entre bancos, varejistas e fintechs, e 500 funcionários nos seus cinco escritórios em Campinas, São Paulo, Niterói, Maringá e Filadélfia (EUA). 

Referência em soluções relacionadas a finanças e pagamentos na América Latina, a Matera conta uma plataforma com mais de 40 sistemas focados no core bancário, indo desde regulatório até digital banking. 

Entre os principais clientes da empresa estão Nubank, Magazine Luiza, C6, J.P Morgan, Bank of America, Santander, Agibank, Pernambucanas e Renner. 

Fundada em 1987, a Matera foi criada por Carlos Netto e Carlos André Guimarães, então estudantes de Ciência da Computação da Unicamp. 

Para 2019, a expectativa é crescer mais de 20% em faturamento, assim como investir cerca de R$ 8 milhões em P&D, inovação e capacitação, em desenvolvimento de novos produtos, atualização tecnológica e expansão internacional, dentre outros projetos.