GRANA

BC terá site para consulta de dinheiro esquecido

09/02/2022 12:09

Serviço foi lançado em janeiro no portal do órgão, mas número de acessos gerou instabilidade.

Foto: Pexels

Tamanho da fonte: -A+A

O Banco Central anunciou que o Sistema Valores a Receber (SVR), para a consulta de dinheiro esquecido em contas bancárias, terá um site exclusivo a partir da próxima segunda-feira, 14.

O serviço havia sido lançado em 24 de janeiro no site principal da autarquia, mas foi retirado do ar no dia seguinte, após um alto número de acessos desestabilizar o portal. 

Na ocasião, a quantidade de acessos foi 20 vezes maior que em um dia de alto volume e 50 vezes maior que o normal.

Segundo o BC, o novo canal tem o objetivo de ampliar a capacidade de atendimento do SVR. Todo o relacionamento com o cidadão se dará nesse novo canal e não será possível consultar ou solicitar valores no site da instituição.

A organização projeta que o SVR permitirá a devolução de cerca de R$ 8 bilhões para cidadãos e empresas. Antes da suspensão, 8,5 mil solicitações de devolução foram formalizadas, somando cerca de R$ 900 mil já recuperados.

O cidadão que fizer a consulta a partir do dia 14 de fevereiro e identificar que tem algum valor a receber será imediatamente informado sobre a data em que poderá conhecer esse montante e solicitar a transferência do valor para sua conta.

Esses pedidos poderão ser agendados a partir de 7 de março de 2022, na data informada pelo sistema.

"O BC recomenda que o cidadão volte ao site valoresareceber.bcb.gov.br na data informada. Caso não compareça nesta data, o cidadão terá que fazer uma nova consulta para receber uma nova data para pedir o resgate", alerta a autarquia.

Para que os cidadãos não caiam em golpes utilizando o SVR, o órgão destacou que não envia links e não entra em contato para tratar sobre valores a receber ou para confirmar dados pessoais.

Veja também

APORTE
Vobi recebe aporte de R$ 7 milhões

Rodada foi liderada pela Y Combinator com participação do fundo MAR Ventures e de investidores-anjos.

PROCESSOS
EMS adota solução da ExpenseOn

Ferramenta ajudou a reduzir o tempo de reembolso da empresa.

GESTÃO
Qual é o futuro dos CSCs?

Modelo surgido nos anos 70 tem muitas possibilidades no cenário de tecnologia atual.

REFORÇO
Barroso, ex-Oracle, está na Infor

Executivo tem também quase 20 anos de bagagem na Totvs.

FAÇANHAS
Governo do RS sofre ataque cibernético

Autoria foi reivindicada pelo grupo Paraná Cyber Mafia, mesmo que atacou a Bahia recentemente.